​No próximo domingo (21), o ​Goiás terá uma boa oportunidade de se redimir da acachapante goleada sofrida na rodada anterior, quando batido por 6 a 1 pelo Flamengo. O confronto deste final de semana será contra o lanterna do torneio, Avaí, equipe que ainda não venceu na competição. Apesar da expectativa de reviravolta, as consequências do elástico revés anterior ainda ressoam no Esmeraldino, com grande pressão sobre alguns 'protagonistas' do revés.


Já segue a gente no Instagram? Clique aqui e venha para a Casa dos Torcedores!

​​Um dos jogadores mais pressionados e questionados pela torcida após a goleada sofrida foi Rafael Vaz. Contudo, apesar das críticas das arquibancadas, não há a menor possibilidade do zagueiro deixar o time titular esmeraldino. Quem garante a permanência do atleta no XI inicial goiano é o próprio treinador da equipe, Claudinei Oliveira.


"Ele está sabendo das críticas, acompanha rede social. Se ele não vê, a esposa vê, a mãe vê, o pai vê. Então, é importante saber como está a cabeça dele com essas críticas. Sentir se o jogador está bem. Pelos treinamentos, vimos que está normal, mesma postura. Não está inseguro. Está fazendo o que sempre fez. Em termos de treinamento, está bem. Vamos ver a cabeça, se está sentindo confiança. A única coisa que poderia tirá-lo do jogo é ele falar "Professor, estou sem confiança". Aí, eu tiraria ele do jogo", afirmou o comandante.

Como destaca o ​Globoesporte, Rafael Vaz formará a dupla de zaga do Esmeraldino ao lado de Yago, tendo em vista que o jovem David Duarte segue fora de combate. Para saber mais detalhes sobre este duelo entre Goiás e Avaí, confira nosso pré-jogo clicando ​aqui.