​Com sua decisão programada para as 12h de Brasília deste domingo (7) - veja a prévia da final entre Estados Unidos e Holanda clicando ​aqui -, a Copa do Mundo Feminina de 2019 se despede com o status de maior edição da história da modalidade. O torneio, disputado em solo francês, superou todas as expectativas e prognósticos referentes a público, cobertura e audiência, chamando atenção também pelo nível de excelência dentro das quatro linhas.


Já segue a gente no Instagram? Clique aqui e venha para a Casa dos Torcedores!

Inúmeros recordes de audiência foram registrados pelos quatro cantos do globo. Além do sucesso absoluto em solo brasileiro - o duelo de oitavas contra a França registrou o maior ibope da história das Copas Femininas, com 30 milhões de expectadores no Brasil -, emissoras de televisão de Itália, Holanda, Estados Unidos e Chile também acumularam números altamente expressivos ao longo da competição. ​No Reino Unido, a semifinal entre Inglaterra e Estados Unidos registrou a maior audiência de um programa de TV em 2019, superando até mesmo a final da Champions League entre Liverpool e Tottenham.

Danielle Van De Donk,Aurora Galli

Como aponta a Folha, esta edição de Mundial também registrou recordes em sua cobertura midiática. Cerca de 1,3 mil repórteres e fotógrafos da mídia impressa foram registrados e credenciados pela FIFA, o dobro do que foi registrado na Copa do Mundo de 2015, disputada no Canadá. Em solo tupiniquim, destaca-se a cobertura integral do Grupo Globo, com todas as 52 partidas do torneio sendo exibidas em alguma de suas plataformas: canal aberto, canais fechados (SporTV) ou site do Globo Esporte.



Todos os números acima destrinchados fazem aumentar a expectativa em torno da audiência da decisão deste domingo (7). Há quatro anos atrás, 23 milhões de pessoas assistiram a final entre Japão e Estados Unidos, número que deve ser superado com facilidade. Sucesso absoluto em todos os níveis, espera-se que esta Copa de 2019 seja um marco para o ​futebol feminino como um todo, trazendo como herança o maior incentivo, investimento e infra-estrutura para a modalidade, seja na Europa, Américas ou em qualquer lugar do mundo.

FBL-WC-2019-WOMEN-MATCH40-FRA-BRA