Na tarde deste sábado (06), a Argentina enfrentou o Chile na Arena Corinthians, em jogo que foi vencido pelos hermanos por 2 a 1. Ainda no primeiro tempo, houve uma enorme confusão que culminou no cartão vermelho para Lionel Messi e Gary Medel, do Chile. A situação revoltou o craque argentino de tal forma que sequer esteve na cerimônia da Conmebol para a entrega das medalhas de bronze da ​Copa América.



FBL-COPA AMERICA-2019-ARG-CHI

A principal estrela da Argentina explicou o motivo do seu boicote na zona mista. Na sua visão, ele não merecia o cartão vermelho recebido e foi além, ao falar sobre corrupção: ''Muita bronca, muita bronca, porque creio que não merecia este cartão. Eu estava fazendo um bom jogo, estávamos em vantagem. Lamentavelmente, há muita corrupção, tivemos estas questões com os árbitros, ficamos com a sensação de que não nos deixaram ir jogar a final'', desabafou.


Messi continuou desabafando e cutucou a ​Seleção Brasileira, que eliminou os argentinos na semifinal do torneio. Em seu entendimento, o Peru tem condições de vencer no Maracanã, mas será preciso "ficar atento à arbitragem".


''Brasil campeão? Não tenho dúvidas depois de tudo o que aconteceu [na semifinal]. Espero que o VAR e os árbitros não interfiram nisso. Espero que o Peru possa disputar, até porque tem uma boa equipe'', declarou. 

FBL-COPA AMERICA-2019-BRA-ARG


O argentino ainda busca o seu primeiro titulo pela seleção principal da Argentina, já que nunca ganhou nenhum troféu desde que se tornou atleta profissional.