Um dos principais enigmas dessa janela de verão no mercado europeu sem sombra de dúvidas é para onde irá Daniel Alves. Focado na disputa da Copa América com a seleção brasileira, o lateral-direito ainda não quis comentar sobre seu futuro após comunicar sua saída do PSG. Entretanto, o jornal francês, ​France Football  listou cinco possíveis destinos para o recordista de títulos no futebol. A gente replica para vocês, confira:


​​Barcelona: Um possível reencontro com amigos compatriotas, como Arthur, Coutinho e Malcom chamam a atenção do lateral. Além disso, não é segredo para ninguém a grande amizade existente entre Daniel Alves e Neymar, que também está sendo especulado pelo Barça. Por isso, sem dúvidas o clube catalão figura entre as primeiras possibilidades de Dani. 


Manchester City: Composto por um super elenco e um dos melhores treinadores do mundo, o City havia demonstrado interesse no jogador na temporada retrasada, quando se transferiu para o PSG. O jogador chegaria ao clube inglês para disputar vaga com Walker, que teve o contrato renovado recentemente. Para o France Football, a presença de Guardiola, que foi seu treinador no Barcelona, e o desafio de disputar o Campeonato Inglês após passar pela Espanha, Itália e França podem ser ​fatores atrativos para o lateral. 


Dani Alves

Inter de Milão: Voltando a disputar a Liga dos Campeões depois de algum tempo, o clube italiano também entra na lista dos cinco prováveis times que Daniel Alves pode figurar na próxima temporada. Além da disputa da Champions, o jogador seria de enorme importância no esquema tático montado por Antonio Conte e poderia atrair mais atletas renomados para o clube. 


Borussia Dortmund: Neste caso, o maior atrativo para Alves seria a possibilidade de disputar um campeonato ainda não disputado, e poder vencer outro título inédito. No entanto, mesmo se reforçando bastante para esta temporada com boas contratações, como a de Thorgan Hazard e a de Julian Brandt, o clube alemão é a opção de menor probabilidade. 


Clube Chinês: Caso deseje se aposentar em breve, com um ritmo de jogo mais suave e salários até maiores do que na Europa, a China seria o destino certo para Daniel. No entanto, o jogador não dá indícios de aposentadoria e de desejo de atuar no futebol chinês. 



Enquanto não decide seu futuro, Daniel Alves segue focado na disputa da Copa América com o Brasil, que entra em campo no próximo dia 27, às 21:30 na Arena do Grêmio contra Equador, Japão, Paraguai ou Uruguai, dependendo da combinação de resultados.