Ajax ou Tottenham: um dos dois estará na final da ​Liga dos Campeões da Europa 2018/2019. E é praticamente impossível negar que se trata de uma verdadeira zebra.


De torcedor para torcedor: clique ​aqui e siga o 90min no Instagram!



Embora o bom momento das equipes, ninguém esperaria que os holandeses pudessem parar Real Madrid e Juventus, ou que o time londrino fosse eliminar o Manchester City, depois de ter deixado o Borussia Dortmund pelo caminho. No entanto, as "zebras" fazem parte da história do torneio de clubes mais importante do planeta. Vamos relembrar algumas mais recentes?



Dínamo de Kiev - 1999

Depois de ser eliminado em 1998 pela Juventus sendo goleado por 5 a 2, o time se recuperou em grande estilo no ano seguinte. Na mesma etapa de quartas de final, passou pelo poderoso Real Madrid, tendo Shevchenko despontando para uma linda carreira.



Porto - 2004

Jose Mourinho

Foi o ano da consagração do português José Mourinho. A vitória na final aconteceu sobre o Monaco, mas os duelos com o Manchester United é que marcaram aquela campanha.



Inter de Milão - 2010

O time italiano estava sem conquistar a Copa Europeia desde 1965. E o triunfo não poderia ser mais grandioso. Afinal, deixou o Barcelona pelo caminho e passou pelo Bayern de Munique na final.



Apoel Nicosia - 2012

Ninguém esperava que o time do Chipre passasse sequer da fase de grupos. Pois, além disso, ainda eliminou o Lyon nas oitavas de final. Foi parado apenas na fase seguinte, pelo Real Madrid.



Chelsea - 2012

O time não vinha nada bem, mas como futebol é momento...os ingleses, com uma incrível retomada ao longo da competição europeia, viveram seu auge na eliminação sobre o Barcelona. Depois, seguraram o não menos poderoso Bayern de Munique na final e, nos pênaltis, garantiram sua primeira conquista de Champions.



Atlético de Madri - 2014

E não é que o time da capital espanhola foi parado apenas por seu maior rival? E na final! Sim, o time alvirrubro de Madri deixou Milan, Barcelona e Chelsea pelo caminho. À época, era impossível fazer tal projeção.



Roma - 2018

Alessandro Florenzi

Foi com um retumbante 3 a 0 sobre o Barcelona que o time italiano surpreendeu o mundo nas quartas de final da Liga dos Campeões. E a caminhada só não foi até a final porque, na semi, parou diante do Liverpool em dois duelos que, no agregado, terminaram em 7 a 6 em favor dos ingleses.