Com o elenco recheado de estrelas de potencial, o ​Palmeiras é o clube brasileiro com mais peças ainda a serem testadas ao longo do ano. Também por isso, vem sendo procurado por rivais da Série A do Campeonato Brasileiro para negociar a liberação de jogadores sem muito espaço com o técnico Luiz Felipe Scolari neste início de temporada 2019.


Atualmente, Fabiano está no radar do Internacional, Raphael Veiga esteve na mira do Vasco da Gama, Juninho não foi cedido ao Coritiba e o Bahia, que teve o pedido de negócio por Raphael Veiga negado há poucas semanas, procurou a diretoria alviverde para colher informações sobre a chance de "repatriar" Zé Rafael. É o que informa o​ repórter Rafael Seixas.

As conversas, no entanto, não evoluíram pelo fato do Verdão não querer se desfazer de sua recente contratação. A comissão técnica alviverde e Felipão gostam bastante de Zé Rafael e as chances no time titular começaram a surgir nesta reta final de preparação para as disputas de Brasileirão e Copa do Brasil.


Desejado pelos rivais Cruzeiro e Corinthians em 2018, Zé Rafael foi adquirido pelo Palmeiras graças a acordo de exclusividade cedido pelo com o Bahia. O meio-campista não chegou a ser aproveitado no início da temporada, Felipão sofreu críticas da torcida e de palmeirenses na mídia e começou a dar chances ao atleta desde o mata-mata do Paulistão.


O Bahia não é o primeiro clube a ter pedido por Zé negado pelo Verdão. Recentemente, o Vasco da Gama tentou a contratação por empréstimo do meia de 25 anos, mas o Palmeiras não aceitou abrir conversas já que ele começou a ter espaços com Felipão. O jogador custou R$ 14,5 milhões pelos 70% dos direitos dos direitos econômicos..