​Grêmio levou a melhor mais uma vez em cima do Internacional e confirmou o bicampeonato do Gauchão na noite de quarta-feira. A segunda partida terminou novamente em 0 a 0 e foi para os pênaltis. O goleiro do Imortal, Paulo Victor, foi o herói do jogo ao defender três pênaltis e ajudar a equipe comandada pelo técnico Renato Portaluppi a conquistar o Estadual de forma invicta diante do maior rival.



FBL-LIBERTADORES-GREMIO-ROSARIO

Logo após o apito final, a festa na Arena foi grande. Todo o elenco tricolor se dirigiu para a Geral do Grêmio e cantou uma música zoando o Colorado. Canto esse que ficou conhecido em 2017, quando o Tricolor Gaúcho conquistou a Libertadores: “Um minuto de silêncio, para o Inter que está morto”. Craques como Maicon e Luan estavam bastante empolgados e foram os jogadores que mais puxaram a música.


Já no gramado para a festa do título, o preparador de goleiros do Grêmio, Rogério Godoy, rasgou elogios ao arqueiro Paulo Victor.


“O Paulo (Victor) é um excelente goleiro, o Júlio César também. Nós estamos muito bem servidos, o torcedor pode ficar tranquilo. A gente ama trabalhar nesse clube, tudo é feito com muito amor", explicou.


Luan, que ficou de fora das últimas partidas para aprimorar a parte física, também não escondeu a felicidade de ter conquistado mais uma taça pelo Tricolor Gaúcho.


“O que importa é ajudar o Grêmio. A minha vontade é de ver o Grêmio vencer sempre. Eu abro mão de qualquer coisa. Eu sou muito feliz aqui, sempre falei. A gente tá aí mais uma vez campeão", disse.