​Futebol e superstição caminham lado a lado. E em qualquer parte do mundo. Seja entre jogadores ou técnicos, sempre rola aquele ritual para buscar uma sorte a mais durante as partidas.


Só que, dentre essas “mandingas”, algumas se destacam. Por isso, chegou a hora de conhecer algumas das superstições mais interessantes entre profissionais do esporte mais popular do planeta. E tem brasileiro na lista...



As calças do avesso de Adrian Mutu

Chelsea's Romanian striker Adrian Mutu (

O ex-atacante do Chelsea e da Juventus já teve um encontro com um grupo de bruxas (sim, você leu certo), e as bruxas o avisaram que ele havia sido amaldiçoado por ex-amantes. Sua resposta? “Maldições não podem me tocar porque eu uso minha roupa de baixo do avesso.” Então façamos assim: em caso de dúvida, basta virar as calças do avesso. Fácil.



O beijo na cabeça de Fabien Barthez

French defender Laurent Blanc (L) kisses

Beijar a cabeça (careca) de um companheiro pode garantir o título de uma Copa do Mundo? Para a França, sim. Antes de cada jogo da França, Laurent Blanc passou a beijar a cuca do goleiro Barthez. E não é que deu certo? A seleção europeia conquistou o Mundial de 1998, em casa, e a dupla seguiu com o ritual até mesmo quando esteve atuando no Manchester United.



O mago de Nils Liedholm

Liedholm desfrutou de uma carreira extremamente bem sucedida na Série A italiana, tanto como jogador como como treinador, mas quanto disso se deve a um mago local com o nome de Mario Maggi? Ele costumava pedir sua ajuda para ajudar na cura de qualquer problema, e acreditava que a magia era o que garantiu quatro títulos ao Milan. Enquanto gerenciava a Roma, Liedholm visitou Maggi para obter sua bênção para a final da Eurocopa, contra o Liverpool, em 1984, mas foi advertido que o time da Premier League ganharia de forma dramática. A previsão de Maggi se tornou realidade e a dupla não falou por meses.



A calça roxa de Cuca

Cuca

Ver o técnico Cuca se utilizando de uma calça roxa à beira do gramado virou quase que uma atração. Mas não adianta. O treinador brasileiro também tem suas superstições e é preciso respeitar. Ah...e para quem esqueceu, partiu de um desejo do profissional a ordem para o ônibus do Palmeiras, em 2016, não dar marcha ré para qualquer tipo de manobra.



O médium de Vanderlei Luxemburgo

Vanderlei Luxemburgo

Na década de 1990, Luxa tinha uma relação muito próxima com o médium Robério de Oxum. Em 1993, este previu o título palmeirense no Campeonato Paulista após 16 anos de jejum do clube. No entanto, para que a conquista se concretizasse, o time deveria usar camisas verdes, calções e meias brancas na decisão. O resultado todos já sabem...


O número 13 de Zagallo

FBL-WC2014 -BRAZIL-FINAL-DRAW-ZAGALLO

Talvez não exista, no futebol, alguém tão supersticioso como Mário Jorge Lobo Zagallo. Era comum, a cada partida da seleção brasileira, ele fazer links de algum fato com o número 13. Afora que que se casou em um dia 13, comprou apartamento no 13º andar de um edifício. E tudo começou pela devoção da falecida esposa Alcina a Santo Antônio, cujo dia é comemorado em 13 de junho.


Este artigo é trazido a você por A Maldição da Chorona, em breve nos cinemas. Confira o trailer no link abaixo: