​Em campo, tudo correu de forma positiva para o Grêmio em Caxias do Sul neste domingo (24). Com a vitória por 6 a 0 sobre o Juventude, o tricolor praticamente encaminhou a sua vaga às semifinais do Gauchão. No entanto, fora das quatro linhas, uma grave briga entre torcedores do próprio clube manchou o domingo de futebol na serra gaúcha, deixando inclusive um conselheiro gravemente ferido.



Gremio v Libertad - Copa CONMEBOL Libertadores 2019

Bruno Pisoni Garcia, conselheiro do ​Grêmio com mandato até final de 2019, tem 37 anos e foi alvo de um tiro no rosto, sendo levado com urgência à internação em um hospital nas proximidades da região, permanecendo em coma induzido. A Brigada Militar informou que, de pronto, efetuou a prisão de três suspeitos na tentativa de homicídio. Os disparos teriam sido feitos com uma pistola 9mm e o Grêmio, através do seu site oficial, emitiu uma nota lamentando o ocorrido:


"O Grêmio FBPA vem a público lamentar mais uma vez que episódios como o ocorrido ontem durante o jogo Juventude e Grêmio, na saída do Estádio Alfredo Jaconi, envolvendo membros de torcidas organizadas, maculem o nome de nossa instituição, os princípios do futebol, e vão de encontro aos valores do Clube. O Grêmio baliza sua conduta de acordo com padrões éticos, sociais e morais, sobretudo no que diz respeito à preservação e segurança da vida humana.

Ao conselheiro Bruno Pisoni Garcia, nosso desejo de pronta recuperação.

O Grêmio arguardará o resultado da investigação e verificará providências, se for o caso, de condutas que infrinjam regulamentos do Clube", disse o clube.

Segundo o delegado responsável pela investigação do caso, Ives Trindade, a briga envolveu membros de diferentes torcidas organizadas do Grêmio. O suspeito de ter efetuado o disparo contra Garcia se chama Fillipy Rocha, e ele teria entregue a arma a um outro homem, identificado como Renan Pinto, na tentativa de ocultação. A polícia informa que o confronto ocorreu do lado de fora do Estádio Alfredo Jaconi, nas proximidades de um dos portões de acesso.