​Dos onze jogos disputados pelo ​São Paulo em 2019, somando Florida Cup, Campeonato Paulista e Libertadores da América, Everton esteve em campo em dez. Só que agora esta sequência precisará ser interrompida por conta de uma nova lesão muscular.


De torcedor para torcedor: ​clique aqui e siga o 90min no Instagram!



O atacante sofreu um estiramento no músculo reto femoral da coxa esquerda durante o clássico contra o Corinthians, no último final de semana, e não enfrentará o Red Bull Brasil, domingo, no Morumbi. Embora o Tricolor não tenha divulgado um prazo para o retorno aos gramados, a tendência é de que ele fique cerca de duas semanas entregue ao departamento médico e, na sequência, à recuperação física.



Aliás, os problemas têm acompanhado o jogador desde a sua chegada ao Morumbi, em abril do ano passado. Em 2018, Everton teve três lesões musculares. No dia 26 de agosto, ao encarar o Ceará, sentiu um estiramento na coxa esquerda. Depois, em 16 de setembro, quando o São Paulo enfrentou o Santos, veio uma fibrose 15 centímetros abaixo do problema anterior. Por fim, após um clássico frente ao Palmeiras, em 6 de outubro, aconteceu outro estiramento. Ou seja, ele fez a quarta lesão em pouco menos de um ano. Com nove pontos conquistados em sete compromissos pelo Paulistão, o São Paulo ocupa o terceiro lugar no Grupo D, atrás de Oeste (doze pontos) e Ituano (dez). Se a fase classificatória terminasse hoje, o clube estaria de fora das quartas de final, aumentando ainda mais a crise após a eliminação precoce na disputa sul-americana.