Nem o torcedor mais otimista imaginava que, dentre todas as novidades trazidas pelo ​Corinthians para 2019, quem brilharia seria um atleta retornando de empréstimo. Artilheiro do futebol brasileiro na temporada passada, quando defendeu a camisa do Fortaleza, Gustagol segue em alta no Parque São Jorge: já são seis gols em nove partidas, sendo ele o responsável direto por 75% dos gols anotados pela equipe neste início de ano.


Já segue a gente no Instagram? Clique aqui e venha para a Casa dos Torcedores!

​​Como noticia o ​Globoesporte, o início avassalador do atacante de 24 anos faz a diretoria alvinegra prever dificuldades para segurá-lo na janela do meio do ano, quando os clubes europeus estarão em preparação para a temporada 2019/20. O Corinthians avalia que, se Gustavo mantiver a grande fase, nem mesmo a sua alta multa rescisória (50 milhões de euros) impedirá o assédio estrangeiro. Atualmente, o Timão detém 45% do passe do atacante, com o restante dos direitos econômicos divididos entre Criciúma (35%) e Taboão da Serra (20%).

Muito em função do potencial de exportação do centroavante, o Timão se movimentou intensamente na última janela para este setor específico. Caso Gustagol deixe o clube no meio do ano, o clube conta com reposições em seu próprio elenco: Mauro Boselli e Vagner Love, que tem sido usado pelas pontas neste início de temporada.


Reintegrado ao elenco alvinegro após uma primeira passagem nada inspirada, o centroavante tinha o retorno ao clube paulista como uma meta de superação pessoal. Muito em função disso, Gustagol rechaçou investidas estrangeiras que apareceram ao final de 2018: ofertas da Turquia e da China pintaram, mas além de não agradarem o jogador, também foram consideradas pouco vantajosas financeiramente ao Corinthians.

​​