Oriundo da base do ​Inter, o lateral-esquerdo Rogério foi fisgado por olheiros da Juventus após ele se destacar no Mundial sub-17 em 2015. Aos 18 anos, deixou o Brasil rumo à Europa. Agora que está com 21 e atua emprestado ao Sassuolo, também da Itália, entrou na mira de um gigante da Premier League. Sim, o Chelsea, por indicação do técnico Maurizio Sarri, está de olho no garoto.


De torcedor para torcedor: ​clique aqui e siga o 90min no Instagram!



Em sua atual equipe, ele se encontra pela segunda temporada seguida. No entanto, a partir do mês de junho, quando se encerra a temporada no Velho Continente, não se sabe o que irá acontecer. Até mesmo um retorno à Juve, para disputar posição com o também brasileiro Alex Sandro, não pode ser descartado. Claro, se isso acontecer, acima de tudo seria necessário paciência para esperar uma oportunidade, mesmo que recentemente o jornal Tuttosport o tenha apontado como o um possível dono da camisa 9 do time de Turim, onde ainda não teve nenhuma chance entre os profissionais.


Alex Sandro


No Chelsea, segundo o ​Uol Esporte, ele é visto como um nome com potencial para progredir, entrar na chamada rodagem do elenco e lutar por uma vaga que, no momento, é do espanhol Marcos Alonso. "Fico feliz pelo momento que estou vivendo, aprendendo muitas coisas, passo a passo virando um atleta mais completo. Ainda tenho muito para aprender, mas me sinto cada vez mais solto em campo. Creio que será uma temporada de aprendizado e grandes emoções", disse. Seu atual contrato vai até 2023, e existe a possibilidade de Rogério disputar os Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020, com a seleção brasileira. Por isso, qualquer decisão a ser tomada levará em conta, também, a abertura que terá para mostrar seu futebol. Comprado por apenas 1,5 milhão de euros, é observado, ainda, por Wolverhampton, da Inglaterra, Bayer Leverkusen, da Alemanha, e Sporting, de Portugal.


Marcos Alonso,Ayoze Perez