Foram mais de 20 meses sem patrocinador máster - desde o rompimento com a Caixa em abril de 2017 -, até que o ​Corinthians voltasse a ter o principal espaço de sua camisa ocupado. Na tarde desta quinta-feira (17), através de um anúncio bastante celebrado pela torcida alvinegra, o clube paulista oficializou o banco BMG como seu novo parceiro principal.


Já segue a gente no Instagram? Clique aqui e venha para a Casa dos Torcedores!​​

​​Como destaca o ​Globoesporte, o vínculo foi fechado com validade de duas temporadas. A estreia da patrocinadora no manto alvinegro ocorrerá já no próximo domingo, dia 20, quando o Timão recebe o São Caetano em Itaquera pela primeira rodada do Paulistão.


O montante oficial fechado em negociação segue mantido em sigilo. A única informação divulgada sobre valores veio do diretor de marketing Luis Paulo Rosenberg, afirmando que o clube já teria recebido o valor de R$ 30 milhões em adiantamento: "Teremos um contrato de parceria, um contrato em que quanto o Corinthians vai fazer de arrecadação não tem limites. Um bom indicador de quanto o banco confia no sucesso disse é que já estamos recebendo adiantados, à vista, por conta desse resultado fantástico, 30 milhões de reais", afirmou.

Fontes variadas, dentre elas o jornalista Tiago Maranhão, falam que o acordo gira em torno dos R$ 42 milhões anuais. ​​Caso este valor seja confirmado, o clube terá superado com folgas o estipulado em sua previsão orçamentária com patrocínios, já que conta atualmente com o aporte de outros parceiros: Poty (calção), Positivo (costas da camisa), PES (barra frontal) e Universidade Brasil (ombro).

​​