rh

O 'caso Gustavo Scarpa' ainda deve render novos episódios após a Justiça derrubar a liminar que liberava o jogador para assinar com qualquer clube. Segundo o ​Blog De Primeira, assim que a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) foi comunicada da decisão, restabeleceu o vínculo do meia-atacante com o Fluminense no Boletim Informativo Diário (BID) e procurou o Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro, responsável pela decisão, para saber como  deveria proceder em relação ao registro do atleta.


Na última segunda-feira, a CBF enviou um ofício ao TRT-RJ para comunicar que havia alterado o registro de Scarpa no BID e questionou se essa mudança era suficiente ou se a entidade deveria tomar alguma outra providência. Desde a divulgação da decisão, Scarpa deixou de utilizar as dependências do Palmeiras, já que não tem mais vínculo com o clube, e passou a treinar em uma academia em Hortolândia, no interior de São Paulo.

Na última terça-feira, ​o meia-atacante divulgou uma mensagem enigmática em sua conta no Instagram, mas a apagou pouco tempo depois.


(Fotos: Divulgação/Palmeiras)