6 times que ‘poderiam’ atuar em outros países devido à nacionalidade de seus jogadores

Antonio Mota
Com o Benfica do Mister e mais: veja times que "poderiam" atuar em ligas de outros países por conta da nacionalidade de seus atletas.
Com o Benfica do Mister e mais: veja times que "poderiam" atuar em ligas de outros países por conta da nacionalidade de seus atletas. / Gualter Fatia/Getty Images
facebooktwitterreddit

O processo de adaptação a um novo clube nem sempre é fácil, visto que o idioma, a cultura, a mudança de rotina etc., podem acabar retardando essa moldagem a um novo ambiente. Porém, para facilitar esse tramite, há equipes que têm optado por tornar tudo mais ‘natural’, apostando, por exemplo, na união de vários atletas de um mesmo país.

Com isso, além de ajudar os atletas, os clubes se aproximam de outras nações e deixam uma pergunta em aberto: será que brigaria aqui? Veja abaixo uma lista de times que investiram tanto em atletas de uma mesma nacionalidade, que é possível imaginar eles atuando no país de origem desses jogadores. Confira:

6. Borussia Mönchengladbach - Super Liga Suíça

Tudo em casa! O Borussia Mönchengladbach tem cinco jogadores suíços em seu elenco.
Tudo em casa! O Borussia Mönchengladbach tem cinco jogadores suíços em seu elenco. / Soccrates Images/Getty Images

O Borussia Mönchengladbach, time estabelecido da Bundesliga, adicionou vários jogadores suíços em seu plantel recentemente. Ao todo, o clube alemão conta com 5 atletas da mesma nacionalidade, sendo: Yann Sommer, Nico Elvedi, Denis Zakaria e Breel Embolo e Michael Lang.

5. Benfica - Campeonato Brasileiro

O Mister levou uma "galera" do Brasil para Portugal.
O Mister levou uma "galera" do Brasil para Portugal. / Gualter Fatia/Getty Images

Sem incluir o “quase carioca” Jorge Jesus, o Benfica, de Portugal, tem um total de 8 jogadores brasileiros: Helton Leite, Jardel, Gilberto (ex-Fluminense), Gabriel, Everton Cebolinha (ex-Grêmio), Pedrinho (ex-Corinthians), Carlos Vinícius (ex-Santos e Palmeiras) e Dyego Souza.

Será que brigaria pelo título brasileiro?

4. Lille - Campeonato Turco

Ver essa foto no Instagram

??❤️

Uma publicação compartilhada por Burak Yılmaz (@by17) em

É verdade que não é um número tão expressivo, porém, um time francês ter quatro jogadores turcos é um tanto quanto ‘incomum’. Os compatriotas são: Zeki Çelik, Yusuf Yazıcı, Burak Yılmaz e Mustafa Kapı.

3. Wolverhampton - Liga Portuguesa

Sem espaço no Barça, Semedo foi procurar ajuda na "tropa portuguesa" dos Lobos.
Sem espaço no Barça, Semedo foi procurar ajuda na "tropa portuguesa" dos Lobos. / Wolverhampton Wanderers FC/Getty Images

Com Nélson Semedo, o Wolverhampton chegou ao seu 10º jogador português para a temporada 2020/21. Além do ex-Barcelona, o time inglês conta ainda com Rui Patrício, Roderick Miranda, Rúben Vinagre, Rúben Neves, João Moutinho, Vitinha, Daniel Podence, Pedro Neto e Fábio Silva.

2. Shakhtar Donetsk - Campeonato Brasileiro

O Shakhtar Donetsk é um dos times europeus que mais gosta dos brasileiros.
O Shakhtar Donetsk é um dos times europeus que mais gosta dos brasileiros. / Gualter Fatia/Getty Images

O Benfica ter muitos brasileiros é algo compreensivo, mas o Shakhtar Donetsk é difícil de entender, sobretudo pela quantidade: 13. Ou seja, desconsiderando posições, os ucranianos podem escalar um time só de atletas do país penta e ainda teriam dois reservas.   

Os brasileiros do time são: Vitão, Ismaily, Marquinhos Cipriano, Dodô, Alan Patrick, Marcos Antônio, Maycon, Dentinho, Taison, Fernando, Tetê, Marlos e Júnior Moraes. Cabe destacar que vários destes defendem a Seleção Ucraniana.

1. Tottenham - ONU

Da Inglaterra para o mundo... O Tottenham voa baixo.
Da Inglaterra para o mundo... O Tottenham voa baixo. / Catherine Ivill/Getty Images

O Tottenham, da Inglaterra, pode facilmente jogar em qualquer país que desejar nas Nações Unidas e do mundo. Afinal, embora o time seja ‘dominado’ por ingleses, há jogadores da França, Argentina, Irlanda, País de Gales, Colômbia, Bélgica, Estados Unidos, Dinamarca, Brasil, Guiné Equatorial, Portugal, Coreia do Sul, Costa do Marfim, Holanda e vários outros países.

facebooktwitterreddit