Copa América Feminina

6 jogadoras que podem decidir a final da Copa América Feminina

Lucas Humberto
De Debinha e Ary Borges até Leicy Santos e Linda Caceido, a decisão da Copa América Feminina será repleta de destaques
De Debinha e Ary Borges até Leicy Santos e Linda Caceido, a decisão da Copa América Feminina será repleta de destaques / RAUL ARBOLEDA/GettyImages
facebooktwitterreddit

Dia de decisão! Depois da etapa de grupos, dos duelos eliminatórios e de mais de 20 dias de competição, Colômbia e Brasil protagonizam o confronto derradeiro da Copa América Feminina neste sábado, 30. As donas da casa de um lado, as favoritas do outro. Em comum entre as seleções envolvidas está o potencial decisivo de algumas jogadoras. E é sobre elas que tratamos a seguir. Em especial, três dos principais trunfos de cada equipe.

Brasil

1. Debinha

Debinha, atacante do Brasil
A camisa 9 da seleção conhece bem o caminho até o topo do torneio / JUAN BARRETO/GettyImages

A camisa 9 da seleção brasileira está mais que habituada aos grandes embates. Em especial, a própria Copa América Feminina, afinal, Debinha esteve presente na campanha de 2018, que terminou com a Canarinho no lugar mais alto do pódio. As lembranças são boas.

2. Bia Zaneratto

Bia Zaneratto, atacante do Brasil
Zaneratto está colecionando grandes momentos nesta Copa América / Quality Sport Images/GettyImages

Com lugar garantido entre os principais destaques do futebol nacional nos últimos anos, a Imperatriz não costuma decepcionar. Tendo recentemente emplacado a marca de 100 compromissos pela Canarinho, Zaneratto chega à decisão com a pontaria calibrada. Boa notícia para Pia.

3. Ary Borges

Ary Borges, meia do Brasil
Ary Borges mostra plena maturidade em campo / Gabriel Aponte/GettyImages

Quem vê Ary Borges em campo pode imaginar que se trata de uma veterana. Mas são só 22 anos para a meia do Palmeiras. Em sua primeira edição de Copa América, a jogadora mostrou potencial para estar entre os pilares da seleção pelos próximos anos. Logo estaremos no Mundial...

Colômbia

4. Linda Caicedo

Linda Caicedo, atacante da Colômbia
Caicedo está na mira do Barcelona / RAUL ARBOLEDA/GettyImages

Falando em maturidade esportiva apesar da pouca idade... aos 17 anos, Linda Caicedo está na mira do Barcelona. Esse é o tamanho da joia colombiana. A atacante do Deportivo Cali é conhecida pela velocidade, sobretudo nas pontas, e qualidade do passe.

"Primeiro contato foi segunda, claro que dá para ver que é uma jogadora (Linda Caicedo) diferente. Talvez uma das principais. A gente tem que se preocupar com a gente como time. Temos coisas para melhorar", alertou Ary Borges. Olho nela...

5. Mayra Ramírez

Mayra Ramírez, atacante da Colômbia
Ramírez bagunçou a defesa argentina na semifinal / Gabriel Aponte/GettyImages

Com dois gols anotados até aqui, a atacante Mayra Ramírez, do Levante, está entre os pilares da Colômbia. Na semifinal contra a Argentina, a jogadora bagunçou a linha defensiva das adversárias. Pia Sundhage precisa tomar bastante cuidado.

6. Leicy Santos

Leicy Santos, camisa 10 da Colômbia
Leicy Santos é uma das líderes Cafeteras / JUAN BARRETO/GettyImages

Camisa 10 nata! Dona de movimentações únicas e arrancadas que desmontam até as zagueiras mais bem postadas, Leicy Santos é o tipo de jogadora que levanta torcidas. Além, claro, das suas próprias companheiras. A liderança dentro das quatro linhas é algo natural.

"Acho que o jogo será acirrado e que a chave será aproveitar os espaços que podem ser gerados pelos dois times quando eles avançam ao ataque", contou a meia do Atlético de Madrid em entrevista ao portal Olympics.com. Bem, pelo visto teremos emoção.


Colômbia e Brasil se enfrentam neste sábado, 30, a partir das 21h de Brasília, no estádio Alfonso López, em Bucaramanga.

facebooktwitterreddit