Futebol brasileiro

6 estrelas que estão fazendo falta na atual edição do Campeonato Brasileiro

Antonio Mota
Michael deixou saudades no Flamengo.
Michael deixou saudades no Flamengo. / Wagner Meier/GettyImages
facebooktwitterreddit

Principal torneio de futebol do Brasil, o Campeonato Brasileiro é dono de vitrine ímpar e que conta com os maiores e mais brilhantes holofotes da América do Sul. Com exceção da Conmebol Libertadores, o Brasileirão é o palco ideal fora da Europa para os jogadores do país e da região se destacarem e chamarem atenção dos clubes de todo o planeta, em especial do Velho Continente.

Neste sentido, muitos atletas que se destacam na Série A acabam partindo para o exterior, num movimento bom para os próprios futebolistas, para os clubes e para os demais envolvidos, mas não para os amantes da bola, que deixam de acompanhar esses craques no território nacional. A seguir, veja 6 estrelas do último Brasileirão que estão fazendo falta na atual edição do torneio.

1. Gerson – ex-Flamengo

Gerson  Ligue 1 PSG Olympique Marseille Flamengo Mercado
Gerson deixou o Flamengo para brilhar na França. / Simon Holmes/GettyImages

Formado no Fluminense e com curta passagem pela Europa, Gerson chegou ao Flamengo em 2019 e em pouco tempo se tornou um dos pilares da equipe. Em grande forma, o “Coringa”, como passou a ser chamado, ganhou espaço, ajudou o Fla a conquistar títulos e apareceu até no radar da Seleção Brasileira.

Já no ano passado, o versátil meio-campista foi negociado pelo Rubro-Negro e deixou o Brasil com o calendário em curso... Fez falta, Nação? O meia encontrou dificuldades em seu início de jornada na Ligue 1, mas se recuperou e fechou a temporada 2021/22 como um dos destaques do Olympique de Marseille.

2. Gilberto – ex-Bahia

Gilberto Brasileirão  Bahia Futebol
Gilberto brilhou por artilharias do Brasileirão nos últimos anos. / Pool/GettyImages

Gilberto foi um dos grandes artilheiros em atividade no Brasil nos últimos anos. Em quatro temporadas no Bahia, o atacante disputou 189 jogos e marcou 83 gols, sendo muitos desses no Campeonato Brasileiro. No ano passado, por exemplo, o camisa 9 entrou em campo 36 vezes na Série A e anotou 15 tentos, fechando o torneio como o vice-artilheiro E ainda deu duas assistências.

Hoje, o medalhão atua pelo Al Wasl, dos Emirados Árabes Unidos.

3. Yuri Alberto – ex-Internacional

Internacional Mercado Brasileirão Zenir Yuri Alberto
Vai um gol aí? Yuri Alberto foi muito bem com o manto do Internacional. / Silvio Avila/GettyImages

Após se envolver em imbróglio com o Santos, Yuri Alberto se mudou para o Internacional, em 2020, e logo caiu nas graças da torcida. No Beira-Rio, o atacante continuou evoluindo, provocando os adversários e marcando muitos gols, inclusive no Brasileirão.

Na última Série A, por exemplo, o camisa 9 participou diretamente de 15 gols, sendo 12 tentos e três assistências, em 33 jogos. Ele assinou com o Zenit, da Rússia, meses atrás.

4. Jefferson Savarino – ex-Atlético-MG

Jefferson Savarino Atlético-MG
Savarino era um dos talismãs do Atlético-MG. / WASHINGTON ALVES/GettyImages

Savarino viveu de altos e baixos no Brasil, mas certamente fez história com a camisa do Atlético-MG. Entre o início de 2020 e meados de 2022, o atacante foi uma espécie de talismã do Galo e fez a diferença em diversos momentos. No Brasileirão de 2021, conquistado pelo próprio Alvinegro de BH, por exemplo, o extremo participou de 18 partidas, com cinco gols e duas assistências, além de muitos dribles e lances plásticos.

Aos 25 anos, o velocista do Salt Lake, dos Estados Unidos, seria uma boa alternativa ofensiva para o Atlético na atualidade.

5. Claudinho – ex-Red Bull Bragantino

Claudinho Seleção Brasileira Bragantino Futebol
Claudinho foi cotado até na Seleção Brasileira quando defendia o Bragantino. / Buda Mendes/GettyImages

Claudinho jogou uma barbaridade durante os anos em que defendeu o Red Bull Bragantino, entre 2019 e 2021. Neste período, o meio-campista foi peça-chave da equipe em diversos torneios e seguramente marcou o nome na era moderna do clube de Bragança Paulista.

O meia não conseguiu grande sucesso no último Campeonato Brasileiro, já que disputou poucos jogos, mas deixou saudades no Nabi Abi Chedid e seria aceito facilmente de volta. Aos 25 anos, o brasileiro atua pelo Zenit.

6. Michael – ex-Flamengo

Michael Delgado Michael Flamengo Mercado Brasileirão
Michael foi um dos destaques do Flamengo na última temporada. / Wagner Meier/GettyImages

Após brilhar pelo Goiás, em 2019, Michael se mudou para o Flamengo e não conseguiu uma adaptação imediata, passando por período cheio de críticas e questionamentos, em 2020. Contudo, o “Robozinho” deu a volta por cima e foi referência da equipe na temporada seguinte, em 2021, quando disputou 35 jogos e participou diretamente de 18 gols (14 tentos e quatro assistências) apenas no Brasileirão.

Atualmente, o serelepe atacante de 26 anos atua pelo Al-Hilal, da Arábia Saudita.

facebooktwitterreddit