Como diz o ditado: "Depois da tempestade, vem a bonança". Após um janeiro turbulento, com direito à eliminação precoce na Taça Guanabara, o Fluminense vive dias de paz e calmaria.​


O hiato de onze dias sem compromissos no calendário serviu para Abel Braga promover ajustes na equipe, aprimorar o novo esquema tático (3-5-2) e corrigir os erros apresentados nas primeiras partidas do ano. Com uma carga grande de treinamentos, o treinador conseguiu recuperar alguns jogadores em baixa e criar o entrosamento que tanto buscava.

Desde então, como destaca o ​Globoesporte, o Tricolor já emplacou três goleadas: 5 a 0 no Salgueiro-PE, 4 a 0 no Bangu e 4 a 0 no Flamengo. A vitória contra o maior rival não vinha desde 2016. No ano passado, foram oito jogos contra o Flamengo e nenhum triunfo


"Estamos conseguindo fazer o que nos propusemos: primeiro montar atrás para depois trabalhar a frente. Nossa transição está muito boa. Já que não temos um super plantel, super craques, estamos fazendo algo diferente em nossa simplicidade", afirmou Abelão.

​​