Triste sábado para o futebol brasileiro. Isso porque, morreu o goleiro de um tradicional clube do país: Wallace do ​Guarani. Ele capotou de carro na Rodovia Bandeirantes (SP-348). A tragédia aconteceu às 14h, em Limeira (SP), segundo informação da concessionaria AutoBan, empresa responsável pela rodovia. 


O goleiro tinha apenas 22 anos, e estava indo para Ribeirão Preto para passar o fim de semana com a família. Como não foi relacionado para a partida de sexta-feira contra o Água Santa, ele ficou de folga.


Goleiro Wallace

A situação já comoveu diversos clubes do futebol brasileiro. No clássico entre São Paulo e Corinthians foi respeitado um minuto de silêncio em homenagem ao arqueiro. O presidente do Vitória, clube pelo qual ele foi revelado, falou sobre o fato.


''Toda a comunidade rubro-negra está de luto. A história de um jovem foi interrompida de forma inesperada e deixará eternas lembranças. Wallace tornou-se jogador profissional nos braços do nosso Esporte Clube Vitória. À sua família, os nossos mais sinceros sentimentos de pesar, colocando nesse momento toda nossa estrutura para o que se fizer necessário para o alívio dessa grande dor'', disse o mandatário.


​Em seu site oficial, o Guarani também postou uma nota para o goleiro:


"Com profundo pesar, o Guarani Futebol Clube informa e lamenta o falecimento do goleiro Wallace Ribeiro Barato. Wallace era goleiro do Guarani e chegou ao Bugre no início do ano, por empréstimo, junto ao Vitória-BA. O goleiro, de 22 anos, faleceu neste sábado (27) vítima de um acidente de carro no KM 140, da Bandeirantes, sentido Limeira.


“O Guarani Futebol Clube lamenta profundamente o ocorrido e coloca-se inteiramente à disposição dos familiares e amigos. Não existem palavras para expressar o que estamos sentindo. Deus haverá de trazer o conforto”, afirmou o presidente Palmeron Mendes Filho.


O Guarani por meio de seu Conselho de Administração externa os sentimentos à família e aos amigos. O futebol está de luto. Descanse em paz, Wallace!"