TOPSHOT-FBL-US-ICC-BARCELONA-TRAINING

​A principal negociação desta janela de transferências do verão europeu parece muito próxima de um final. Na manhã desta terça-feira, Neymar esteve no CT do Barcelona, mas ficou apenas 45 minutos no local. O jogador teria ido somente para se despedir dos colegas e funcionários do clube catalão, de acordo com informações reveladas pela agência EFE. O próximo destino: Paris.


O próprio Barça comunicou em sua conta no Twitter que o craque não treinou com a autorização do treinador Ernesto Valverde, sem dar maiores detalhes a respeito da situação. 


​​

A transação também foi confirmada oficialmente pelo departamento do clube para a mídia impressa, com um comunicado:


"Neymar disse ao vestiário que está deixando o clube e se despediu de seus companheiros no vestiário. O treinador deu permissão para Neymar não treinar e resolver o seu futuro ", disse a nota.


International Champions Cup 2017 - Real Madrid v FC Barcelona

O brasileiro terá um contrato de quatro temporadas e ganhos de 30 milhões de euros (cerca de R$ 109,5 milhões) por ano. Já o PSG terá de pagar a multa rescisória do jogador com o Barcelona, avaliada em 222 milhões de euros (R$ 810 milhões). Além dos 30 milhões de euros, Neymar receberia ainda luvas pelo novo contrato (valor que seria diluído ao longo do novo vínculo), além de participação em lucros de alguns empreendimentos da Oryx Qatar Sports Investments, empresa que comanda o time de Paris.


Pelo lado catalão, o clima ainda é de consternação. Os dirigentes pensam em fazer todos os esforços para bloquear a assinatura do contrato. Bartomeu e sua equipe entendem que, se o PSG paga a cláusula, violará o fair play financeiro e têm um aliado: o presidente da Liga, Javier Tebas, que disse ao jornal As que a organização espanhola não aceitará o pagamento da cláusula , de modo que a assinatura ainda poderá ser bloqueada. A conferir as cenas finais da novela...