​A grande novela desta janela de transferências do verão europeu ainda não chegou ao seu capítulo final. Enquanto o mundo inteiro fala sobre a possibilidade ou não de mudança de ares para Neymar, entre Barcelona e PSG, um dos protagonistas da negociação começou a mudar de tom.


Perguntado novamente sobre o assunto, o presidente do clube catalão, Josep María Bartomeu, depois de negar a venda há alguns dias, já não mostrou tanta segurança assim desta vez: 

FBL-ESP-BARCELONA-BARTOMEU-VALVERDE


“Neymar é um dos nossos melhores jogadores, e nós não queremos perdê-lo. Nós queremos que ele continue, continue conosco. Ele ainda tem quatro anos de contrato, então nada a mais a dizer. Você sabe que os jogadores decidem se querem sair, eles podem decidir. Mas, pelo Barcelona, nós queremos ele e precisamos dele. Porque se você quer vencer, nós precisamos dos melhores jogadores possíveis", opinou em entrevista ao The New York Times.


O discurso é diferente do que falara antes, quando o mandatário sacramentou que seria "impossível" tirar o craque do Camp Nou. Há cerca de dez dias, os rumores mais concretos acerca da aquisição começaram a tomar forma os bastidores da bola. Especula-se que os franceses arcarão com a quantia de 222 milhões de euros da multa rescisória para tirar o brasileiro da equipe blaugrana.