China's Jiangsu FC player Joao Alves (front) vies for the ball with Vietnam's Becamex Binh Duong's Truong Dinh Luat during their AFC Champions League Group E football match in the southern city of Binh Duong on February 23, 2016. The match ended 1-1. AFP PHOTO / AFP / AFP        (Photo credit should read AFP/AFP/Getty Images)

5 jogadores que não conseguiram brilhar no futebol chinês

A China tem se tornado um destino comum para jogadores de destaque do cenário brasileiro nas últimas temporadas. Nem todos, contudo, conseguiram se firmar em solo asiático. Seja por questões técnicas ou de adaptação, destacar-se no futebol chinês nem sempre é tão fácil.


Nesta lista, mostramos 5 jogadores que não conseguiram brilhar na China. Confira!

5. Hernanes - Hebei Fortune

De volta ao futebol brasileiro, Hernanes foi prejudicado pelo excesso de estrangeiros no Hebei Fortune. O meio-campista chegou a ficar fora da lista de inscritos do Campeonato Chinês e acabou inclusive defendendo o time B do clube. 

4. Jael - Chongqing Lifan

Atualmente no Grêmio, Jael teve uma passagem curta pela China entre 2015 e 2016. O centroavante defendeu o Chongqing Lifan, equipe que na época tinha investimento mais modesto que os gigantes do país 

3. Diego Maurício - Shijiazhuang Ever Bright

Lembra do 'Drogbinha'? Diego Maurício jogou no Shijiazhuang Ever Bright em 2016. O atacante estava longe de ser o problema do time, mas o clube acabou rebaixado e Maurício transferiu-se para o futebol coreano nesta temporada. 

2. Robinho - Guangzhou Evergrande

Robinho 'bateu e voltou' no Guangzhou Evergrande. O Rei das Pedaladas não impressionou o técnico Luiz Felipe Scolari e passou um bom período no banco de reservas durante a curta passagem pela China. 

1. Jô - Jiangsu Suning

Dentro de campo, Jô até conseguiu algum destaque no Jiangsu Suning em 2016 - ao todo, foram 11 gols em 26 jogos. Sete meses depois de ser contratado, no entanto, acabou sendo colocado no time B e foi liberado pela diretoria.