Futebol Internacional

5 viradas históricas que podem inspirar o Fortaleza na Copa do Brasil

Vitor Beloti
Leão tem exemplos históricos, como o Barcelona, para acreditar que ainda dá.
Leão tem exemplos históricos, como o Barcelona, para acreditar que ainda dá. / Pedro Vilela/GettyImages
facebooktwitterreddit

O futebol é maravilhoso por estar repleto de histórias que são difíceis de acreditar, principalmente quando ocorrem viradas que poucos imaginavam enquanto assistiam à partida. O Fortaleza foi ao Mineirão e saiu derrotado pelo Atlético-MG por 4 a 0 no primeiro duelo das semifinais da Copa do Brasil e tem o desafio de reverter este placar dentro de casa para chegar à final inédita.

A missão está longe de ser fácil, mas já enxergamos durante a história do futebol que o impossível nem sempre está em pauta.

1. Barcelona 6 x 1 PSG - Champions League 2017

FC Barcelona v Paris Saint-Germain - UEFA Champions League Round of 16: Second Leg
Barcelona consegue uma remontada histórica diante do PSG / Jean Catuffe/GettyImages

O Barcelona não jogava o mesmo futebol de 2015, ano que venceu sua última Champions League, mas ainda era uma equipe respeitada por ter grandes jogadores como Messi, Neymar e Suárez. No entanto, o jogo da ida das oitavas de final não foi o esperado pela equipe catalã e saiu da França com um revés por 4 a 0.

Mas o dia 8 de março de 2017 ficou registrado na memória dos torcedores culés e parisienses porque o Barcelona conseguiu uma virada histórica por 6 a 1 diante do PSG, em pleno Camp Nou, e avançou para às quartas de finais da competição.

2. Liverpool 4 x 0 Barcelona - Champions League 2019

Divock Origi
Liverpool derrota o Barcelona por 4 a 0 e avança para a final / Robbie Jay Barratt - AMA/GettyImages

Se daquela vez o Barcelona foi o autor da goleada história, não podemos dizer o mesmo deste confronto. O jogo de ida pelas semifinais da Champions League de 2019 foi espetacular para o clube catalão, já que saiu do Camp Nou vitorioso graças a um placar maiúsculo de 3 a 0, com gols de Messi e Suárez.

Mas o Liverpool estava longe de estar morto e mostrou isso em Anfield. Em partida espetacular dos Reds, a equipe de Jürgen Klopp virou o mata-mata ao construir um 4 a 0 em uma atmosfera espetacular dentro de seus domínios. Em seguida o elenco sagrou-se campeão ao superar o Tottenham na grande final realizada em Madrid, na Espanha.

3. Atlético-MG 4 x 1 Corinthians - Copa do Brasil 2014

Atletico MG v Sao Paulo - Brasileirao Series A 2014
"Menino maluquinho" Luan foi um dos heróis da conquista do Galo em 2014 / Pedro Vilela/GettyImages

O Atlético-MG já viveu grandes histórias na Copa do Brasil e uma delas foi contra o Corinthians em 2014. Após ser derrotado em São Paulo pelo jogo da ida das oitavas da Copa do Brasil, o Galo goleou os paulistas por 4 a 1 com dois gols de Guilherme, um de Luan e outro de Edcarlos. Um resultado que os torcedores atleticanos jamais irão se esquecer.

4. Deportivo La Coruña 4 x 0 Milan - Champions League 2004

Deportivo Coruna players (L-R) Uruguayan
La Coruña fez história na Champions League 2003/2004. / MIGUEL RIOPA/GettyImages

Quem imaginaria que o poderoso Milan seria derrotado pelo Deportivo La Coruña? Mas aconteceu, e com Dida, Cafu, Maldini, Nesta, Kaká e Shevchenko dentro de campo. O clube italiano venceu dentro de casa pelo jogo da ida do mata-mata da Champions League por 4 a 1 e encaminhou bem sua classificação, mas só faltou combinar isso com o time da Galícia.

Em uma inesperada remontada, o clube azul e branco derrotou o rossonero por 4 a 0 com gols de Pandiani, Valerón, Luque e González e passaram para a próxima fase. Ninguém esperava um jogo desses dos espanhóis e por isso ficou marcado na história.

5. Flamengo 0 x 3 América-MEX - Libertadores 2008

America de Mexico's footballer Salvador
Cabañas calou o Maracanã e virou um dos grandes carrasco da história do Flamengo / ANTONIO SCORZA/GettyImages

Comandado por Joel Santana, o Flamengo venceu o América no México por 4 a 2 pela Conmebol Libertadores e encaminhava sua vaga para a próxima etapa do torneio. No entanto, em um jogo marcado também pela despedida do ex-técnico, o rubro-negro foi surpreendido em pleno Maracanã ao tomar um 3 a 0, com dois gols do paraguaio Cabañas e outro de Esqueda.

Uma virada que nenhum flamenguista esperava, muito menos Joel Santana, que estava se despedindo do clube e da torcida, mas o futebol nem sempre é lógico e dessa vez foi a oportunidade do clube mexicano cravar seu nome na história de um dos estádios mais famosos do mundo.

facebooktwitterreddit