Opinião

5 motivos pelos quais o Fluminense precisa encarar a Sul-Americana como prioridade

Fabio Utz
Clube contratou nomes de peso para a temporada
Clube contratou nomes de peso para a temporada / Buda Mendes/GettyImages
facebooktwitterreddit

O Fluminense, apesar do título carioca, não atingiu seu principal objetivo na arrancada da temporada: chegar à fase de grupos da Libertadores. Eliminado pelo Olimpia, do Paraguai, na última fase prévia, o time de Abel Braga terá que se contentar em disputar a Sul-Americana - competição, aliás, que de forma alguma pode ser 'rejeitada'.

Abaixo, elencamos cinco motivos pelos quais o Tricolor das Laranjeiras deve encarar este torneio como prioridade ao longo de 2022.

1. Elenco à altura

Germán Cano Fluminense Elenco 2022
Clube carioca contratou jogadores de peso para a temporada / Buda Mendes/GettyImages

Dos times que disputam a Sul-Americana nenhum tem o elenco do Fluminense. O clube, certamente, foi o que mais investiu para a temporada, e nomes como Germán Cano, Felipe Melo e Willian Bigode podem fazer a diferença.

2. Resposta rápida

Libertadores Olimpia Fluminense 2022 Eliminação
Olimpia tirou o Fluminense da Libertadores de 2022 / NATHALIA AGUILAR/GettyImages

Fazer da Sul-Americana uma Copa do Mundo dá ao Fluminense a chance de, depois de um baque gigante, recuperar a autoestima e mostrar ao seu torcedor que o que aconteceu no Paraguai foi um acidente de percurso.

3. Título viável

Hulk Atlético-MG Campeão Mineiro 2022
Ainda é muito difícil de competir com alguns rivais em torneios nacionais / Pedro Vilela/GettyImages

Competir, no futebol brasileiro, com times como Atlético-MG, Palmeiras e até o Flamengo, batido na final do Estadual, é algo bastante complicado. A diferença de qualidade ainda é gritante. Agora, dar a volta olímpica na Sul-Americana é algo bem possível. Seria esta a competição que coloca o Fluminense em condições de dar vencer mais uma vez na temporada.

4. Chance de recontar a história

LDU Fluminense Final Sul-Americana 2009
LDU tirou o título do Tricolor em 2009 / MAURICIO LIMA/GettyImages

O Fluminense esteve muito perto de conquistar a Sul-Americana em 2009, quando acabou com o vice-campeonato - a LDU ficou com a taça. O torneio de 2022, assim, é a oportunidade de apagar o passado e levantar um troféu que ainda não consta na galeria do clube.

5. A consagração definitiva de Abelão

Abel Braga Técnico Fluminense Sul-Americana 2022
Treinador já foi campeão brasileiro pelo Tricolor em 2012 / Buda Mendes/GettyImages

Abel Braga tem seu nome marcado no Fluminense. Afinal, levou o time à conquista do Brasileirão de 2012, por exemplo. Agora, o técnico ganha a chance de se consagrar definitivamente junto ao torcedor tricolor o colocando no caminho das conquistas internacionais.

facebooktwitterreddit