Futebol Feminino

5 momentos inesquecíveis da noite de despedida de Formiga da seleção brasileira

Lucas Humberto
Atleta deixa uma marca inquestionável na história do futebol feminino
Atleta deixa uma marca inquestionável na história do futebol feminino / Quality Sport Images/GettyImages
facebooktwitterreddit

25 de novembro de 2021. Num duelo contra a Índia, Formiga se despediu da seleção brasileira feminina depois de 26 anos de serviços prestados. Ela deixa a Canarinho consciente de que é história. De que é o futebol feminino como nós conhecemos hoje.

A monumental camisa 8 teve pouco tempo em campo. Pia Sundhage colocou a meio-campista somente na reta final do segundo tempo. Mas a minutagem pouco importou, porque os acontecimentos da noite jamais serão esquecidos. Abaixo, nós relembramos alguns deles.

1. Presença de dona Celeste, mãe de Formiga

Celeste precisou superar o medo de avião para ver sua filha pela primeira vez em campo. Ironicamente, a estreia foi também uma despedida. De qualquer forma, a presença da mãe na Arena da Amazônia tornou a noite ainda mais especial.

2. Marta chegando de surpresa

Quando foi anunciado que Marta não conseguiria vir para o Torneio Internacional os questionamentos vieram de todos os lados. Como se despedir da eterna Formiga sem uma das suas grandes companheiras? Impossível.

Em meio aos voos atrasados ou cancelados, escalas e chegada no segundo tempo, a Rainha nos proporcionou uma das marcas mais belas desta quinta-feira (25). Apesar da aparente desorganização, o ar de surpresa foi um grande diferencial.

3. Homenagem ao eterno 8, que nunca mais será o mesmo

Momentos nos quais uma imagem diz tudo. Em determinado momento do jogo, as demais atletas brasileiras vestiram camisas em homenagem ao número de Formiga.

4. Goleada de 6 a 1 diante da Índia

Falando especificamente dos feitos dentro das quatro linhas, a Canarinho mostrou todo seu favoritismo contra a seleção indiana. O placar de 6 a 1 foi construído com gols de Debinha, Giovana, Ary Borges (duas vezes), Kerolin e Geyse; Manisha Kalyan descontou para as rivais.

5. Sensação de que poderia ser mais organizado

Pia Sundhage Formiga Brasil Despedida Índia
Sundhage colocou Formiga apenas no segundo tempo / Koki Nagahama/GettyImages

Encerramos a lista com um ponto negativo: a sensação de que tudo poderia ser tratado com muito mais cuidado e organização pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Ingressos sendo vendidos dois dias antes do jogo, a atleta começando no banco de reservas, ausência de Cristiane. Apesar da emoção, o evento poderia ter sido mais memorável. Assim como Formiga jamais deixará de ser.

facebooktwitterreddit