5 jogadores de sucesso na atualidade que foram deixados de lado por outros clubes

Fabio Utz
Jadon Sancho viveu uma experiência ruim no Manchester City
Jadon Sancho viveu uma experiência ruim no Manchester City / Robbie Jay Barratt - AMA/Getty Images
facebooktwitterreddit

Isso é absolutamente comum no futebol. Quantos jogadores não tiveram o devido reconhecimento de um clube e, na sequência, "explodiram"? O 90min cita cinco exemplos de craques da atualidade que passaram por situações assim...

1. Fabinho

Fabinho Real Madrid Valorização Volante Liverpool
Volante já atuou no Santiago Bernabéu / Denis Doyle/Getty Images

Oriundo do Rio Ave, de Portugal, o volante que hoje faz sucesso absoluto na equipe do Liverpool quase não recebeu oportunidades no Real Madrid entre 2012 e 2013.

2. Aubameyang

Pierre-Emerick Aubameyang Milan Valorização Atacante Arsena
Gabonês iniciou carreira no Milan / Julian Finney/Getty Images

Para quem não se lembra, o hoje atacante do Arsenal fez parte do elenco do Milan, clube onde começou sua carreira. Porém, passou por empréstimo em cima de empréstimo antes de deixar o clube, que sempre sentiu a falta de um matador como ele.

3. Harry Kane

Harry Kane Leicester Valorização Atacante
Kane não foi muito aproveitado no Leicester / Michael Regan/Getty Images

Trata-se de um dos principais goleadores da Europa no momento. Vem de temporadas fantásticas pelo Tottenham. Foi pouquíssimo aproveitado em sua passagem pelo Leicester, em 2013. Ou seja, não recebeu o devido valor.

4. Jadon Sancho

Reece James Jadon Sancho Manchester City Valorização
Sancho defendeu o City até 2017 / Alex Livesey/Getty Images

Uma das recentes estrelas do Borussia Dortmund optou por deixar o Manchester City por considerar que não recebeu a devida valorização no período em que lá ficou, entre 2015 e 2017. Na sua opinião, esteve bem menos em campo do que deveria.

5. Adama Traoré

Blerim Dzemaili Adama Traore Valorização Barcelona
Traoré já vestiu a camisa blaugrana / Valerio Pennicino/Getty Images

Considerado um dos atacantes mais velozes da atualidade, ele vem mostrando, pelo Wolverhampton, seu poder para desequilibrar uma partida. O Barcelona, onde esteve de 2012 a 2015, não acreditou tanto assim no seu potencial.

facebooktwitterreddit