5 jogadores brasileiros que ainda têm uma última chance de fazer carreira na Europa

Fabio Utz
2020 Brasileirao Series A: Flamengo v Santos
2020 Brasileirao Series A: Flamengo v Santos / Wagner Meier/Getty Images
facebooktwitterreddit

Existe a célebre frase de que "idade não é documento". No futebol, para uma transferência ao futebol da Europa, é sim. Raramente os clubes buscam, no Brasil, atletas que não estão no início de carreira. No entanto, a gente enumera cinco destaques do momento no país que têm condições (talvez uma última chance) de fazer carreira no Velho Continente mesmo já sendo um pouco mais "velhos".

1. Pepê

Pool/Getty Images

Poucos sabem, mas Pepê vai fazer 24 anos em fevereiro. O Porto já veio com força para cima do Grêmio na última janela. Ou seja, a resistência tende a chegar ao final em breve, com o "garoto" indo fazer carreira na Europa.

2. Gabigol

Wagner Meier/Getty Images

Embora não tenha feito sucesso em sua primeira passagem na Europa (pelo contrário), recuperou totalmente o seu prestígio vestindo a camisa do Flamengo. Aos 24 anos, se o espaço em clubes de ponta está fechado, sua qualidade tende a abrir novamente um lugar no Velho Continente.

3. Rony

MIGUEL SCHINCARIOL/Getty Images

Destaque absoluto do Athletico-PR na conquista da Copa do Brasil do ano passado, o atacante se transferiu para o Palmeiras a peso de ouro. Em um primeiro momento, custou a engrenar, mas agora já começa a fazer a diferença. Com o seu futebol, o fato de já estar com 25 anos não deve fazer influenciar tanto assim.

4. Pedro Raul

Andre Coelho/Getty Images

Talvez não seja jogador para time de ponta da Europa, mas ele sabe fazer gol. É raro, por exemplo, no Campeonato Espanhol, equipes que brigam pela metade da tabela não terem um centroavante tipo ele. Está com 24 anos e joga pelo Botafogo.

5. Claudinho

Buda Mendes/Getty Images

O meia-atacante do Red Bull Bragantino vai fazer 24 anos no mês de janeiro. Tem muita habilidade e tranquilidade com a bola nos pés. É outro que pode ganhar espaço, no mínimo, em times médios.

facebooktwitterreddit