Copa América Feminina

5 jogadoras que podem decidir o jogo entre Uruguai e Brasil, pela Copa América Feminina

Lucas Humberto
De Adriana à Zaneratto: quem pode decidir o duelo entre Uruguai e Brasil, válido pela Copa América Feminina
De Adriana à Zaneratto: quem pode decidir o duelo entre Uruguai e Brasil, válido pela Copa América Feminina / JUAN BARRETO/GettyImages
facebooktwitterreddit

Dia de Brasil em campo! Depois da goleada sobre a Argentina, a Canarinho encara nesta terça-feira, 12, o Uruguai, pelo Grupo B da Copa América Feminina. Favoritas, as comandadas de Pia Sundhage enfrentam uma seleção que, em teoria, não causa tanto medo assim. Mas há sempre aquelas peças que podem decidir. E é justamente sobre elas que trataremos abaixo. Acompanhe.

1. Adriana

Adriana, meia do Corinthians e do Brasil
Adriana conduziu a goleada brasileira com experiência / Gabriel Aponte/GettyImages

Fora da Copa do Mundo de 2019 e dos Jogos Olímpicos de 2020 por lesão, Adriana deu uma belíssima volta por cima na estreia da seleção brasileira nesta Copa América. Em uma partida marcada pelo nervosismo típico das jovens, a experiente atleta do Corinthians conduziu a vitória.

Dominante pela ponta direita, a camisa 11 anotou dois dos quatro gols da vitória brasileira. Chamou atenção também a disposição e eficiência nos combates. Certamente deixou boas credenciais para Pia. Em ano que antecede o Mundial, exibições assim podem ser cruciais.

2. Ximena Velazco

Ex-Internacional, múltiplas experiências com a seleção uruguaia e bicampeã nacional com o Peñarol. Todo o conjunto da obra torna a meia Ximena Velazco um perigo para a marcação brasileira. Até porque ela conhece algumas das atletas da Canarinho muito bem. Olho nela.

3. Bia Zaneratto

Zaneratto, atacante do Palmeiras e do Brasil
Zaneratto teve grande atuação na estreia brasileira / Quality Sport Images/GettyImages

A Imperatriz não decepciona! Contra a Argentina, a atacante do Palmeiras converteu um pênalti com categoria e ainda participou diretamente dos lances de dois dos outros gols. Bia Zaneratto pode não só decidir o duelo com o Uruguai, mas sim toda a Copa América. Pilar!

4. Wendy Carballo

Wendy Carballo, atacante do Uruguai e do Internacional
Carballo é considerada uma joia do futebol uruguaio / JUAN BARRETO/GettyImages

Promessa do Uruguai, Wendy Carballo participa de torneios com a seleção desde as categorias de base. No time principal, a atacante de apenas 19 anos ainda está construindo seu caminho, mas quem acompanha as Gurias Coloradas de perto conhece bem o tamanho do potencial. Joia!

5. Ary Borges

Ary Borges, atacante do Palmeiras e da Seleção Brasileira
Ary Borges é referência na qualidade do passe / Quality Sport Images/GettyImages

Jogadora de velocidade, Ary Borges acabou ficando um pouco presa na marcação argentina e não conseguiu repetir o mesmo nível das atuações vistas no Palmeiras. De qualquer maneira, a atacante costuma ser para lá de efetiva, sobretudo na criação. Craque!


Uruguai e Brasil se enfrentam nesta terça-feira, 12, a partir das 18h de Brasília, na Colômbia. Aqui, você confere tudo que precisa saber sobre o confronto.

facebooktwitterreddit