Futebol Internacional

5 contratações superestimadas na história recente do futebol

Lucas Humberto
Dembélé trocou o Borussia Dortmund pelo Barça em negociação que envolveu cerca de 135 milhões de euros
Dembélé trocou o Borussia Dortmund pelo Barça em negociação que envolveu cerca de 135 milhões de euros / Alex Caparros/GettyImages
facebooktwitterreddit

Futebol e cifras milionárias possuem uma fortíssima ligação. O que, claro, não quer dizer que todos os grandes investimentos vão valer a pena. Há múltiplos exemplos de jogadores que movimentam expressivos montantes nos bastidores e ninguém entende os motivos. Bons empresários ou faro ruim do clube? Você mesmo pode avaliar.

A seguir, nós listamos cinco contratações para lá de superestimadas.

1. Dmytro Chyhrynskyi

Dmytro Barcelona Guardiola
Ucraniano teve passagem relâmpago pela Catalunha / LLUIS GENE/GettyImages

Ninguém nunca saberá o que estava passando na cabeça de Pep Guardiola para mobilizar a contratação deste limitado zagueiro ucraniano. Ainda mais por incríveis 25 milhões de euros. Depois de uma temporada e 14 jogos pelo Barcelona, Chyhrynskyi estava de volta ao Shakhtar Donetsk. Alguém esperava algo diferente?

2. Fábio Coentrão

Fábio Coentrão Real Madrid
Lateral-esquerdo português está aposentado / Denis Doyle/GettyImages

Desembolsar 30 milhões de euros hoje pode não parecer muito mas, na temporada 2011/12, a transferência do lateral-esquerdo ficou entre as mais caras do Real Madrid. Mesmo abaixo do nível necessários para defender o manto merengue, Coentrão permaneceu no clube por quatro anos antes de iniciar a saga dos empréstimos sucessivos.

3. Andy Carroll

Andy Carroll Liverpool West Ham Newcastle Premier League
Carroll não conseguiu repetir as mesmas grandes atuações no Liverpool / Scott Heavey/GettyImages

Após ascensão estelar em 2011, o centroavante chamou atenção do Liverpool, que não hesitou em desembolsar 41 milhões de euros para ter os serviços do principal destaque do Newcastle. Pena que o investimento provou ter valido muito pouco. Sem conseguir repetir as mesmas atuações, Andy Carroll foi vendido ao West Ham pela metade do preço pago.

4. Ousmane Dembélé

Ousmane Dembele Barcelona Borussia Dortmund
Francês de 24 anos convive com uma sérios problemas físicos no Barça / Fran Santiago/GettyImages

Não há dúvidas do talento de Ousmane Dembélé. Quem o acompanhou no Borussia Dortmund, por exemplo, sabe bem do que o francês é capaz. Contudo, tirar 135 milhões de euros dos cofres para contratá-lo foi uma loucura de proporções épicas. Desde sua chegada ao Barcelona, o atacante contratado como reposição após a saída de Neymar para o PSG ainda não conseguiu convencer ninguém. Após cinco anos, ele conseguiu atuar em apenas 129 jogos.

5. Hulk

Hulk China Atlético-MG
Hulk passou cinco temporadas no futebol chinês / Yifan Ding/GettyImages

Depois de conquistas expressivas junto ao Porto e Zenit, Hulk apareceu novamente na China. Para ter os serviços do brasileiro, o Shanghai SIPG pagou 55 milhões de euros. A contratação acabou se mostrando frutífera, afinal, rendeu títulos e gols, mas será que realmente era necessários investir cifras tão altas assim?

facebooktwitterreddit