Futebol brasileiro

5 campeões da Série B que foram rebaixados no ano seguinte

Lucas Humberto
Chapecoense vai disputar a Série B em 2022
Chapecoense vai disputar a Série B em 2022 / Marcello Zambrana/Agif/Gazeta Press
facebooktwitterreddit

Conquistar a Série B é garantia de permanência na elite no ano seguinte? Teoricamente, não. Mas as chances são boas. De 2000 até este ano, somente quatro campeões da Segundona caíram na temporada posterior. Bem, agora esse grupo ganhou mais um integrante.

1. Brasiliense

À época com 24 times participantes, a Série B de 2004 teve o Brasiliense como vencedor. A equipe do Distrito Federal atingiu a marca de 46 pontos, enquanto o Náutico, segundo colocado, ficou com 45. Na elite em 2005. o time encerrou a temporada na lanterna e retornou à segunda divisão.

2. Joinville

Foram necessários 70 pontos para o Joinville levantar a taça da segunda divisão em 2014. A Ponte Preta, vice-líder, teve apenas um ponto a menos. No ano seguinte, a equipe de Santa Catarina terminou a Série A na última colocação e, consequentemente, foi rebaixada.

3. Atlético-GO

Gabriel Barbosa Igor Cariús Atlético-GO Série B Rebaixamento
Dragão vive situação complicada na Série A em 2021 / Buda Mendes/GettyImages

Líder isolado da Série B de 2016, o Atlético-GO teve folga na campanha do acesso - em 38 rodadas, foram somente seis derrotas. Para infelicidade dos torcedores, o destino da primeira divisão no ano seguinte foi a lanterna. Do vinho para água?

4. América-MG

Mauro Zarate América-MG Série B Rebaixamento
Atual vice-campeão da Série B, Coelho sonha com vaga em competição internacional / Pedro Vilela/GettyImages

Hoje brigando pela parte de cima do Brasileirão, o América-MG sabe bem que as temporadas nem sempre fluíram tão bem assim. Campeão da Série B em 2017, deixando o Internacional no segundo lugar, o Coelho até lutou na elite em 2018, mas não escapou da queda.

5. Chapecoense

De Arrascaeta Anderson Leite Chapecoense Série B Brasileirão
Chapecoense está virtualmente rebaixada / Buda Mendes/GettyImages

Caso mais recente, a Chapecoense estava comemorando o título da Segundona em 2020 e praticamente um ano depois está matematicamente rebaixada. Após 31 rodadas, o time venceu apenas um jogo na Série A (2 a 1 sobre o Red Bull Bragantino, em setembro).

facebooktwitterreddit