4 opções para Odair preencher a vaga de Dodi, que não seguirá no Fluminense

Nathália Almeida
Atletico Mineiro v Fluminense Play Behind Closed Doors Amidst the Coronavirus (COVID - 19) Pandemic
Atletico Mineiro v Fluminense Play Behind Closed Doors Amidst the Coronavirus (COVID - 19) Pandemic / Pedro Vilela/Getty Images
facebooktwitterreddit

Apontado como um dos principais destaques do time em 2020, Dodi não faz mais parte dos planos do Fluminense nesta temporada. Apesar de seu contrato junto ao clube carioca valer até o dia 31 de dezembro, a diretoria tricolor decidiu pelo afastamento imediato do jogador após o desfecho negativo das negociações de renovação: deste modo, o volante ficará treinando em separado do restante do elenco, sem poder ser aproveitado pela comissão técnica de Odair.

Com a janela internacional já fechada, o clube das Laranjeiras se vê limitado de opções para uma reposição no mercado. É possível, portanto, que a vaga deixada por Dodi seja preenchida com uma 'prata da casa'. A seguir, listamos as 4 melhores possibilidades caseiras para o Fluminense repor a perda do volante:


1. André

Primeiro volante de força e bom passe, André era o capitão e grande líder do Sub-20 tricolor até ser promovido ao elenco profissional. Recebeu suas primeiras oportunidades com Odair, mas acabou sendo deslocado ao Sub-23, que disputa o Brasileirão de Aspirantes, pela grande concorrência em seu setor. Com a saída de Dodi, seu nome passa a ser um dos mais pedidos entre os torcedores, já que seu potencial é muito grande.


2. Martinelli

Leve, móvel e de boa qualidade técnica/habilidade, Martinelli é um segundo volante muito elogiado na base e que também já figurou entre os profissionais do clube, apesar de ainda não ter feito sua estreia oficial. Pode parecer irreal cogitar um garoto 'cru' para assumir vaga entre os titulares do time principal com a temporada em seu segundo semestre, mas por características de jogo e por talento individual, não há como não cogitá-lo. Mais um nome promissor que Xerém oferece.


3. Yago Felipe

Atletico Mineiro v Fluminense Play Behind Closed Doors Amidst the Coronavirus (COVID - 19) Pandemic
Atletico Mineiro v Fluminense Play Behind Closed Doors Amidst the Coronavirus (COVID - 19) Pandemic / Pedro Vilela/Getty Images

Apesar de sua contratação ter sido recebido com alguma resistência do torcedor no início do ano, Yago Felipe tem se mostrado como uma peça muito importante neste elenco. Trata-se de um jogador extremamente dedicado e comprometido, além de polivalente: já atuou como ponta, como meia pela direita e também como segundo volante. É uma alternativa de experiência para Odair, contudo, uma formação com Yago, Hudson e Nenê gera um desequilíbrio em velocidade/mobilidade.


4. Calegari

Fechamos essa pequena lista com uma opção menos ortodoxa, mas não inviável. Calegari foi promovido aos profissionais nesta temporada e fez ótimos jogos na lateral direita, até se machucar e perder posição para o criticado Igor Julião. Odair vem mantendo Julião por julgar que este está mais pronto e contribui mais defensivamente, enquanto Calegari é mais forte no apoio. Isso se explica pelas origens do garoto no meio-campo, mais especificamente como segundo volante, função que fazia na base. Utilizá-lo no lugar de Dodi pode ser um risco, mas não seria algo totalmente 'estranho' para o camisa 31.


facebooktwitterreddit