Brasileirao Série A

4 duelos entre Atlético-MG e Grêmio nos quais os olhares tricolores se voltaram para fora dos gramados

Fabio Utz
Em 2017, Tricolor foi a campo após ganhar a Libertadores
Em 2017, Tricolor foi a campo após ganhar a Libertadores / Pedro Vilela/GettyImages
facebooktwitterreddit

Ao longo da história, Atlético-MG e Grêmio já se enfrentaram inúmeras vezes pelo Campeonato Brasileiro. Mas o mais incrível disso tudo é que alguns desses jogos ficaram na memória do torcedor gremista não exatamente pelo que acontecia dentro de campo. Sim, é isso mesmo que você leu. Dá uma olhada nesta lista que fica fácil entender.

1. Atlético-MG 2 x 0 Grêmio - Brasileirão de 1999

No dia 10 de novembro foi realizada a última rodada da fase classificatória do Brasileirão. O Grêmio não lutava por mais nada na competição, e o torcedor azul só tinha olhos para o que acontecia com o maior rival. No Beira-Rio, o Inter recebia o Palmeiras e precisava vencer para escapar do rebaixamento. A secação azul não deu certo, e o Colorado ficou na primeira divisão com vitória por 1 a 0. No Mineirão, Cláudio Caçapa e Marques garantiram o triunfo alvinegro.

2. Grêmio 1 x 0 Atlético-MG - Brasileirão de 2002

Gaúchos e mineiros voltaram a se enfrentar na última rodada da fase classificatória do Brasileirão. O Tricolor, do técnico Tite, teve dificuldades para ganhar - Anderson Lima, de pênalti, fez o único gol da tarde de 17 de novembro no Olímpico - e avançar às quartas de final, mas o que a torcida queria mesmo era ver o Inter ser rebaixado. Mais uma vez não houve êxito, uma vez que o rival, ao mesmo tempo em que a bola rolava em Porto Alegre, ganhou por 2 a 0 do Paysando em Belém e ficou na elite.

3. Grêmio 2 x 0 Atlético-MG - Brasileirão de 2008

O Grêmio liderou boa parte do Campeonato Brasileiro, mas chegou à última rodada não dependendo apenas de si para ser campeão. Ou seja, a vitória por 2 a 0 (Tcheco e Soares fizeram os gols) em um Olímpico lotado na tarde de 7 de dezembro não foi suficiente. Tudo pelo fato de o São Paulo ter vencido o Goiás por 1 a 0 e ficado com a taça - o time do Morumbi precisava perder. Ou seja, foi mais um momento no qual as atenções ficaram voltadas para longe das quatro linhas.

4. Atlético-MG 4 x 3 Grêmio - Brasileirão de 2017

Jean Pyerre Gol Grêmio Atlético-MG 2017 Campeonato Brasileiro
Jean Pyerre e Pepê começavam a ganhar chances no Tricolor / Pedro Vilela/GettyImages

O Grêmio não estava nem aí para o que podia acontecer na última rodada do Brasileirão. Afinal, quatro dias antes havia conquistado o tricampeonato da Libertadores e já tinha cabeça voltada para o Mundial de Clubes. Com o time reserva em campo, até deu trabalho ao Galo no Independência, estando três vezes à frente no marcador. Como curiosidade, Jean Pyerre, Pepê e Batista marcaram para a equipe gaúcha.

facebooktwitterreddit