Copa do Mundo 2022

30 dias para a Copa do Mundo: o caminho das 30 disputas por pênaltis da história do Mundiais

Antonio Mota
"Haja coração"! Copa do Mundo já viu 30 disputas por pênalti
"Haja coração"! Copa do Mundo já viu 30 disputas por pênalti / Arte: Eduardo Fricks
facebooktwitterreddit

A Copa do Mundo surgiu há mais de nove décadas, mas apenas nos anos 1970 passou a utilizar a disputa por pênaltis como um método de desempate. Antes, o regulamento do Mundial previa que os jogos eliminatórios que acabassem empatados após o tempo regulamentar e a prorrogação deveriam ser repetidos.

A regra mudou em 1978, mas foi vista pela primeira vez somente em 1982, quando aconteceu a primeira batalha na marca da cal – nas semifinais entre Alemanha Ocidental e França. Jean-Luc Ettori até pegou a cobrança de Stielike, mas depois brilhou a estrela de Toni Schumacher, que defendeu dois pênaltis, um de Didier Six e outro nas alternadas. Maxime Bossis parou no goleiro e em seguida Horst Hrubesch classificou os alemães.

Desde então, em 40 anos e 10 edições da Copa, aconteceram 30 disputas por pênalti na principal competição de seleções do planeta. No Mundial mais recente, por exemplo, quatro embates da fase mata-mata (das oitavas até a final) foram decididos de tal forma: Rússia x Espanha (oitavas), Croácia x Dinamarca (oitavas), Inglaterra x Colômbia (oitavas) e Croácia x Rússia (quartas). Aliás, nenhuma Copa teve mais que quatro confrontos resolvidos assim.

Luka Modric
A Croácia de Modric venceu a disputa por pênalti mais recente da história das Copas do Mundo / Elsa/GettyImages

As Copas do Mundo com mais disputas por pênalti aconteceram em 1990, 2006, 2014 e 2018, todas com quatro. Aliás, todos os Mundiais desde a mudança na regra tiveram ao menos um confronto resolvido desta forma. Em 1982, apenas um duelo foi parar na marca da cal. Em 2002 e 2010, esse método de desempate foi utilizado duas vezes. E em 1986, 1994 e 1998, três embates tiveram o seu desfecho nos penais.

A fase eliminatória da Copa que mais utilizou esse método foi, curiosamente, a das quartas de final: 12 vezes. As oitavas de final e as semifinais vêm na sequência, com 11 e cinco, respectivamente. Apenas duas finais foram decididas na marca da cal, em 1994 e 2006. Ambas contaram com a presença da Itália, que perdeu para o Brasil na primeira e venceu a França na segunda.

A seleção que mais se envolveu em disputas de pênalti em Copas do Mundo foi a Argentina. Até aqui, a Albiceleste participou de cinco batalhas na marca da cal e obteve êxito em quatro – 80% de aproveitamento. A Alemanha (4 disputas) e a Croácia (2) são donas dos melhores retrospectos: 100% (entre os países com mais de uma disputa). O Brasil, por sua vez, tem 75% de taxa de sucesso no quesito, com três vitórias e uma derrota em quatro duelos.

Será que veremos quantas disputas por pênalti na Copa do Mundo do Catar? A projeção é que ao menos um duelo seja resolvido desta forma... É torcer para que não seja em um jogo do Brasil.

As disputas por pênalti da Seleção Brasileira em Copas do Mundo

França 4 x 3 Brasil - quartas de final da Copa do Mundo México 1986
Brasil 3 x 2 Itália - final da Copa do Mundo EUA 1994
Brasil 4 x 2 Holanda - semifinais da Copa do Mundo França 1998
Brasil 3 x 2 Chile - oitavas de final Copa do Mundo Brasil 2014

facebooktwitterreddit