Corinthians

3 nomes de peso que já foram descartados pelo Corinthians em sua busca por um novo treinador

Lucas Humberto
Por motivos diferentes, Corinthians descartou investidas para ter Jorge Jesus, Cuca ou Renato Gaúcho
Por motivos diferentes, Corinthians descartou investidas para ter Jorge Jesus, Cuca ou Renato Gaúcho / DOUGLAS MAGNO/GettyImages
facebooktwitterreddit

Antes mesmo de encerrar a novela do camisa 9, o Corinthians se viu envolvido em mais uma: a busca por um treinador. Demitido na última quarta-feira (02), Sylvinho deixou o comando do Timão após perder o clássico alvinegro de virada.

Desde então, o alvinegro do Parque São Jorge está mapeando suas opções no mercado. Até agora, nenhum 'sim', mas pelo menos três negativas. Abaixo, nós listamos quais nomes de peso foram descartados pelo Timão.

1. Jorge Jesus

Jorge Jesus Corinthians Benfica Sylvinho
JJ só deverá acertar sua próxima empreitada na segunda metade do ano / Carlos Rodrigues/GettyImages

Livre no mercado desde que se despediu do Benfica, Jorge Jesus seguirá recebendo cerca de R$ 1,8 milhão mensais até maio. Embora seja a opção preferida da Fiel, o Mister descartou assumiu qualquer clube antes do sexto mês do ano, quando deixará de ser pago pelo gigante de Lisboa. As negociações estão descartadas.

2. Cuca

Cuca Atlético-MG Corinthians Treinador
Cuca levou o Galo ao bicampeonato do Brasileirão / Silvio Avila/GettyImages

Apesar da qualidade inquestionável, Cuca tem seu currículo manchado por uma condenação por atentado ao pudor com uso de violência. Nos idos de 1987, o ex-comandante do Galo, ainda como jogador, foi acusado de manter relações sexuais com uma menina de 13 anos. Ele se diz inocente.

Embora esteja entre os melhores treinadores brasileiros da atualidade, Cuca certamente não seria bem recebido por uma parte considerável da Fiel. A diretoria alvinegra, portanto, não pretender abrir negociações pelo técnico.

3. Renato Gaúcho

Renato Gaúcho Sylvinho Corinthians Treinador Mercado
Passagem de Portaluppi pelo Flamengo não deixou saudades / PABLO PORCIUNCULA/GettyImages

Razões óbvias, certo? Plano A do Corinthians após demissão de Vagner Mancini, Renato Gaúcho acabou recusando as múltiplas investidas dos cartolas alvinegros (e da própria Fiel) alegando que precisava de um tempo para descansar. Poucas semanas depois, ele acertou com o Flamengo, onde fez um trabalho de qualidade questionável.

facebooktwitterreddit