Opinião

3 motivos para o torcedor do Palmeiras lamentar o empate contra o Atlético-MG

Nathália Almeida
Palmeiras e Galo ficaram no 0 a 0 no Allianz Parque
Palmeiras e Galo ficaram no 0 a 0 no Allianz Parque / Alexandre Schneider/GettyImages
facebooktwitterreddit

Antes da bola rolar no Allianz Parque, muitos torcedores apontavam o Palmeiras x Atlético-MG, deste domingo (5), como o grande confronto da nona rodada do Brasileirão. De fato, pelos dois elencos envolvidos e por tudo que estas equipes conquistaram nos últimos anos, era o duelo mais aguardado da jornada e um dos mais importantes do primeiro turno, se considerarmos que estes dois clubes vão disputar o título nacional.

Contudo, após o apito final com o marcador apontando 0 a 0, não há dúvida de que um gosto amargo ficou na boca das duas torcidas envolvidas. Mas os alviverdes têm mais motivos para lamentar o empate, e vamos explicar o porquê:


1. Palmeiras teve mais volume, mas não foi letal

Rafael Navarro, Nathan Silva
Palmeiras criou mais chances, mas não marcou / Alexandre Schneider/GettyImages

Exceção aos 30 primeiros minutos da partida na capital paulista, o Verdão teve mais o controle da partida que o seu rival. Criou a melhor oportunidade do primeiro tempo - aproveitando erro grave de Junior Alonso -, e terminou o duelo com mais finalizações tentadas (16x11). Os comandados de Abel Ferreira, no entanto, não conseguiram ser letais em casa.

2. Chance de liderança desperdiçada, jogando em casa

Raul Gustavo, Rony
Corinthians e Palmeiras brigam ponto a ponto pelo topo da tabela / Alexandre Schneider/GettyImages

Quem vencesse a partida no Allianz Parque, assumiria a liderança da Série A. Neste sentido, o Galo também tem suas razões para lamentar o empate mas, considerando que o Palmeiras jogava em casa com o apoio de 40 mil torcedores, o empate em 0 a 0 foi mais prejudicial para o Verdão. Chance perdida de destronar seu arquirrival, Corinthians, que dormirá na liderança com 18 pontos.

3. Perdeu Raphael Veiga por lesão

Raphael Veiga
Veiga se machucou ainda no primeiro tempo / Ricardo Moreira/GettyImages

Talvez essa seja a pior notícia que o torcedor palmeirense recebeu neste domingo: seu principal jogador na temporada, o artilheiro Raphael Veiga, precisou ser substituído ainda na primeira etapa por conta de uma lesão. Ainda não se sabe a extensão ou a gravidade do problema mas, sem dúvida, é uma preocupação para a sequência da temporada alviverde.

facebooktwitterreddit