Segundo o jornalista Luciano Borges, do Blog do Boleiro (UOL), o Corinthians está na mira do procurador do STJD, ​Paulo Schmitt, devido aos incidentes do último sábado em relação à partida contra o Internacional na Arena.


O procurador requereu as imagens do telão do estádio para analisar se houve ou não conduta passível de punição. Schmitt quer ver se foi brincadeira, provocação ou incitação à violência a frase colocada no telão do estádio com os dizeres “#poenodvd'', uma referência a uma coleção de imagens que o clube gaúcho reuniu anos atrás para mostrar como o time paulista era ajudado pelos árbitros, especialmente nos confrontos entre as duas equipes.


wewewe

De todas as alternativas, somente na terceira possibilidade é que o Corinthians poderá ser indiciado no código 243-D do Código Brasileiro de Justiça Desportiva e corre o risco de multa entre 100 e cem mil reais, além de suspensão de um a dois anos.


Apesar de parecer improvável uma punição até mesmo pelo que já adiantou o procurador, o fato é que a situação desagradou até mesmo ao comando do Timão. O presidente Roberto de Andrade mandou apurar o autor da façanha para puni-lo dentro do clube. O técnico Tite também fez questão de mostrar seu descontentamento: “Já estive do lado de lá. É falta de respeito'', salientou.


Polêmicas à parte, o Corinthians saiu vitorioso da partida contra o Internacional, por 2 a 1, com gols de Jadson e Vagner Love e subiu para a 4ª posição na tabela.