Os 15 jornalistas esportivos mais odiados do Brasil

Próximo0 / 15

Uma das piores coisas para qualquer torcedor é querer acompanhar as informações do seu time e ter que ficar ouvindo as besteiras de alguns jornalistas.


Fizemos uma lista com os 15 jornalistas esportivos mais odiados do país. Vai faltar lista pra tanto nome.



Próximo0 / 15
Próximo1 / 15

15. Mauro Cezar Pereira

Mauro Cezar Pereira não parece medir muito suas palavras quando alguma coisa não é de seu agrado. Dono de opiniões firmes, o comentarista não tem muita paciência com vários aspectos do futebol moderno.


Por isso, apesar de também ser bastante admirado, tem muita gente que considera o 'Maurão' arrogante e convencido.

Próximo1 / 15
Próximo2 / 15

14. Cléber Machado

​Mais que odiado, Cléber Machado é motivo de chacota em todo o território nacional. Assistir a qualquer transmissão do narrador é diversão garantida, já que é praticamente impossível que Cléber não solte alguma de suas pérolas.


Hoje não, hoje não, hoje sim.

Próximo2 / 15
Próximo3 / 15

13. Sérgio Noronha

​Sérgio Noronha faz parte daquele time de comentaristas extremamente ultrapassados, incapazes de perceber as mudanças do jogo desde a década de 60.


Dessa forma, seus pitacos são sempre carregados de nostalgia e uma falta de conhecimento absurdo sobre aspectos mais contemporâneos do futebol.

Próximo3 / 15
Próximo4 / 15

12. Rica Perrone

​É possível fazer sucesso como jornalista sem saber ao menos escrever? Rica Perrone é a prova viva de que sim.


Alguns textos do jornalista são de dar arrepios em qualquer professor de primeiro período de faculdade de jornalismo. Perrone dá outro significado aos fundamentos mais básicos da profissão.

Próximo4 / 15
Próximo5 / 15

11. Mário Sérgio

​Assim como em sua carreira como jogador e treinador, Mário Sérgio é extremamente truculento em suas aparições como comentarista.


O ex-meia é conhecido por passar da linha na hora de defender seu ponto de vista, muitas vezes partindo para o ataque pessoal. O último a sofrer com isso foi Rodrigo Bueno, seu companheiro na Fox Sports.

Próximo5 / 15
Próximo6 / 15

10. Paulo Sant'ana

​Nem os gremistas aguentam mais Paulo Sant'ana. O histórico jornalista tinha uma cadeira cativa no principal programa esportivo do rádio gaúcho e presenteava o ouvinte diariamente com suas caduquices.


Foi suspenso por tempo indeterminado após participar de mais um barraco com Kenny Braga.

Próximo6 / 15
Próximo7 / 15

9. Bob Faria

​Conseguir ser odiado pelas torcidas de Cruzeiro e de Atlético-MG é um feito que nem todos atingem. Bob Faria, filho de Osvaldo Faria (lenda do jornalismo esportivo mineiro), conseguiu projeção nacional nos últimos anos, mas continua sendo odiado pela esmagadora maioria dos torcedores mineiros.

Próximo7 / 15
Próximo8 / 15

8. Edinho

​Edinho é provavelmente o pior comentarista que o SporTV já contratou. A aposta em ex-jogadores - que vem sendo quase que uma regra no canal nos últimos anos - até já revelou alguns bons nomes.


Mas o fato é que a maioria dos jogadores que passa para as cabines de transmissão, assim como Edinho, são um verdadeiro fiasco.

Próximo8 / 15
Próximo9 / 15

7. Pedro Ernesto Denardin

Pedro Ernesto Denardin é uma lenda do rádio gaúcho. Principal locutor do estado, conseguiu vencer a resistência entre os torcedores de Grêmio e Inter por sempre exaltar o Rio Grande do Sul em suas narrações.


Quem não gosta muito são os torcedores de outros clubes do país. A famosa narração dos gols de Sobis na conquista da Libertadores de 2006 causou a ira da torcida e dos dirigentes são-paulinos.

Próximo9 / 15
Próximo10 / 15

6. Renato Maurício Prado

Os dos maiores mestres da arte da barrigada no jornalismo esportivo, Renato Maurício Prado consegue ser odiado até pela torcida do seu time de coração (Flamengo).


Os rubro-negros estão até hoje esperando Felipão - que já estava na porta da igreja - desembarcar na Gávea.​

Próximo10 / 15
Próximo11 / 15

5. Alex Escobar

​Um dia alguém na Rede Globo disse a Alex Escobar que ele poderia ser um bom narrador e ele acreditou. O problema ficou com o torcedor, que teve que assistir a jogaços da Copa do Mundo narrados de maneira pífia pelo amigão do Dunga.

Próximo11 / 15
Próximo12 / 15

4. Tiago Leifert

​Adepto do estilo engraçadinho e galinha dos ovos de ouro da Rede Globo, Tiago Leifert é uma ferida ambulante para quem preza por um jornalismo esportivo minimamente sério.


O mínimo que a emissora poderia fazer é decidir se ele é jornalista esportivo ou apresentador de reality show musical.

Próximo12 / 15
Próximo13 / 15

3. Milton Neves

​Milton Neves é chato, sabe que é chato e continua sendo chato porque isso lhe dá audiência. Por algum motivo obscuro, ainda sobrevive na televisão brasileira. 


Poderia no mínimo diminuir um pouco os merchandisings em seus programas. Só um pouquinho.

Próximo13 / 15
Próximo14 / 15

2. Galvão Bueno

Galvão deixou todos na expectativa quando, em 2010, anunciou que se aposentaria após a Copa do Mundo de 2014. O problema é que a Copa já passou, nós tomamos 7x1 e Galvão resolveu não se aposentar.


Um ano difícil para o torcedor brasileiro​

Próximo14 / 15
15 / 15

1. Neto

​Neto era daqueles jogadores que incomodava dentro de campo. Na TV, o 'craque' conseguiu aprimorar essa característica e ficar ainda mais chato.


O jeito é trocar de canal toda vez que Neto resolve abrir a boca para falar aquelas besteiras que ninguém aguenta mais.

15 / 15