Brasileirao Série A

10 jogadores renomados que decepcionaram no Campeonato Brasileiro 2021

Nathália Almeida
Benítez fez uma temporada bem abaixo de seu potencial
Benítez fez uma temporada bem abaixo de seu potencial / Pool/GettyImages
facebooktwitterreddit

Conquistado com sobras e com justiça pelo Atlético-MG, o Campeonato Brasileiro 2021 chegou ao seu final na noite da última quinta (9), com diversos clubes grandes sendo apontados como grandes decepções e outros, não tão badalados, chamando atenção positivamente. Falamos sobre o saldo do torneio para estas equipes neste artigo aqui.

Contudo, clubes de futebol são feitos de jogadores. E muitos atletas badalados deixaram a desejar nessa temporada, convenhamos. A seguir, elencamos 10 estrelas do futebol nacional que fizeram um Brasileiro bem abaixo da média:


1. Douglas Costa (Grêmio)

Douglas Costa
Douglas Costa desrespeitou o torcedor gremista / Silvio Avila/GettyImages

Foi contratado com pompas para ser a grande referência ofensiva do Grêmio, o que não se confirmou. Além dos problemas físicos e da falta de ritmo, teve atitudes extracampo no mínimo questionáveis. Não deve seguir no clube para a disputa da Série B, ainda mais depois de desrespeitar a torcida tricolor com um "tchauzinho" no jogo que selou a queda gremista.

2. Martín Benítez (São Paulo)

Martin Benitez
Benítez se lesionou muito no São Paulo / Marcelo Endelli/GettyImages

O meia argentino chegou ao Morumbi sob grandes expectativas após uma boa temporada pelo Vasco da Gama, mas não teve o mesmo sucesso da passagem por São Januário. Sofreu muitas lesões ao longo deste ano de 2021, não conseguindo emplacar uma sequência considerável de partidas e não gerando o impacto que dele se esperava no São Paulo.

3. Patrick (Internacional)

Patrick
Patrick caiu de rendimento em relação a 2020 / Silvio Avila/GettyImages

O meio-campista foi um dos pilares da campanha do vice-campeonato brasileiro do Internacional em 2020, mas não conseguiu manter o mesmo ritmo nesta temporada. Sua queda drástica em nível de performances ajuda a explicar o fim melancólico de temporada do clube gaúcho. Dificilmente seguirá no Colorado para o próximo ano.

4. Rodriguinho (Bahia)

Rodriguinho
Rodriguinho não foi o que dele se esperava no Bahia / Pedro Vilela/GettyImages

Seu currículo e qualidade técnica inquestionável fizeram, de sua chegada, um grande evento para o torcedor do Bahia. Infelizmente para o Esquadrão, o renomado meio-campista não conseguiu ser um diferencial durante a temporada, entregando números muitos discretos para quem veste a 10: apenas 3 gols e uma assistência no Brasileirão.

5. Rafinha (Grêmio)

Rafinha
Rafinha não deixará saudade se sair do Imortal / Wagner Meier/GettyImages

Uma inesperada reviravolta de curso levou o lateral-direito ao Grêmio no início deste ano, e as esperanças da torcida sobre o veterano eram grandes pelo que vimos dele com a camisa do Flamengo em 2019. No entanto, o que vimos de Rafinha no Imortal foi sua pior versão: destempero, brigas, cartões acumulados e pouco impacto esportivo.

6. Marinho (Santos)

Marinho
Marinho fez temporada bem abaixo / Miguel Schincariol/GettyImages

É bem verdade que o Santos viveu um verdadeiro desmonte em relação ao que tinha na temporada 2020 - quando ficou com o vice-campeonato da Libertadores -, mas isso não blinda Marinho das justas críticas que recebeu nos últimos meses. O desejo não-realizado de deixar o Peixe e o imbróglio envolvendo o DM alvinegro parecem ter tirado o melhor do bom atacante.

7. Everton Ribeiro (Flamengo)

Everton Ribeiro
Camisa 7 fez temporada ruim / Buda Mendes/GettyImages

Poucos jogadores conquistaram tanto e foram tão regulares quanto Everton Ribeiro entre as temporadas 2017 e 2020, mas esse padrão não se repetiu em 2021, o seu pior com a camisa do Flamengo. Seu QI de futebol ainda é muito acima da média e trata-se de um jogador que seria titular em 90% dos clubes da Série A, mas a verdade precisa ser dita: este não foi o seu ano. Precisará elevar o nível para fazer as pazes com a Nação.

8. Hernanes (Sport)

Allan, Hernanes
Hernanes pouco fez com a camisa rubro-negra / Pedro Vilela/GettyImages

Em uma movimentação de mercado que gerou euforia na apaixonada torcida do Sport Recife, Hernanes selou retorno ao seu estado natal, Pernambuco. Contudo, seu desempenho com a camisa rubro-negra foi mais do que discreto, não anotando gols ou assistências em 17 partidas disputadas na Série A pelo Leão. Desempenho inaceitável para seu currículo e padrão de salário.

9. Marcelo Lomba (Internacional)

Marcelo Lomba
Lomba não foi bem nesta temporada / Silvio Avila/GettyImages

Naquela que parece ter sido sua última com a camisa colorada, Marcelo Lomba fez uma temporada muito abaixo da crítica pelo clube gaúcho, chegando a comprometer a equipe em determinados momentos. Uma das provas disso é que o Inter teve aproveitamento de G-4 com Daniel no gol, números que despencaram a partir do momento em que Lomba reassumiu a titularidade por conta da lesão de seu companheiro de setor.

10. Jonathan Calleri (São Paulo)

Jonathan Calleri
Calleri não gerou o impacto imaginado / Alexandre Schneider/GettyImages

Depois de muitas aproximações e distanciamentos, o atacante argentino enfim selou seu aguardado retorno ao Morumbi, mas sua chegada não foi o "divisor de águas" que muitos imaginavam, algo que obviamente passa pelo ambiente turbulento que o clube vive hoje. De qualquer forma, Calleri movia muita expectativa da torcida, mas seu retorno foi tímido: apenas 5 gols em 16 jogos.

facebooktwitterreddit