Após a histórica e vergonhosa derrota para o Bayern de Munique pelo placar de 8 a 2, pelas quartas de finais da Champions League, o Barcelona terá que definir os passos para um futuro melhor, e uma reunião nesta segunda-feira deve ser decisiva.


A demissão de Quique Setién e toda sua comissão técnica parece ser a decisão mais óbvia. Outro que pode sair é o secretário técnico Eric Abidal.


Também será tratada a possível antecipação das eleições do clube, que estão marcadas para o fim da temporada 2020/2021.


Como a decisão de Setién é dada como certa, existe a possibilidade de nomes para o comando técnico da equipe serem debatidos. O favorito atualmente é o treinador da seleção holandesa Ronald Koeman.


Por fim e não menos importante, a renovação do elenco é vista como necessária. Alguns nomes para deixar o clube e reforços que podem chegar devem ser tema na reunião de hoje.