Não é de hoje que Eduardo Coudet se sente incomodado pelo fato de não ter conseguido ganhar Gre-Nal desde que chegou ao Internacional. Nesta quarta-feira, ao perder o clássico por 1 a 0, acumulou a quarta derrota (ainda tem um empate nesta conta) para o rival em 2020. E ele, mais uma vez, se manifestou sobre isso.


O argentino lamentou a situação e disse se tratar de algo inédito em sua carreira. "Seguramente não é o ideal. Nunca me aconteceu de ter uma sequência (sem vitória) nos clássicos em 30 anos no futebol. É algo diferente. É algo distinto. Tem que se assumir a responsabilidade de nossa parte", destacou o treinador vermelho.


Fica claro que os enfrentamentos com o Grêmio são, sim, a principal pedra no sapato de Coudet no Beira-Rio. Ele foi contratado para implementar uma nova ideia de jogo, mas acaba contestado por se utilizar de um esquema defensivo e sem criatividade nos momentos mais decisivos. Assim, ainda não quebrou uma escrita que vem desde 2018, quando o Inter ganhou seu último clássico (a invencibilidade tricolor chega a dez partidas). "Usamos os jogadores que tínhamos. Tentávamos ter uma postura mais agressiva. Gostamos de sempre criar mais, pensar que podemos jogar melhor. Mas tivemos situações claras. E não fizemos. E eles, quando tiveram, converteram", completou. A dupla Gre-Nal, com sete pontos, se destaca no Grupo E da Libertadores, e o Colorado ainda está à frente pelo saldo de gols.


Para mais notícias do Internacional, clique aqui.


Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.