​O ​São Paulo segue buscando reforços para qualificar seu elenco para o restante da temporada de 2019. O principal alvo da diretoria é acertar com um lateral-direito, grande carência do elenco. Com poucas horas até o encerramento da janela de transferências para contratação de jogadores do exterior, um atleta que estava fora dos planos e próximo de ser negociado vai ganhar nova oportunidade para mostrar serviço.

Depois de retornar de empréstimo para a Sampdoria, da Itália, Júnior Tavares segue com futuro indefinido no Tricolor Paulista. Na tarde desta quarta-feira (31), segundo informou o Globoesporte.com e a ESPN, o lateral-esquerdo será atração em jogo-treino contra o Nacional-SP. O jovem, de 22 anos, terá a oportunidade de treinar pela primeira vez sob os olhares do técnico Cuca


Kayke, Junior Tavares

Com contrato com o São Paulo até 31 de junho de 2021, o defensor chegou a ser especulado no Fluminense, mas o interesse carioca não se tornou em negociação efetiva. Atualmente, ele teria outras duas possibilidades fora do país. Seu melhor momento foi em 2017, com Rogério Ceni, disputando 45 partidas. O atleta não estava realizando atividades com o restante do elenco nos últimos dias.


Formado no Grêmio, Júnior Tavares se destacou jogando emprestado no time sub-20 do São Paulo, que em 2016 pagou R$ 500 mil ao gaúchos, valor estipulado em contrato, para acertar a compra e promovê-lo ao grupo principal. As opções de Cuca na equipe são Reinaldo, titular que vem de dois gols na vitória sobre o Fluminense, no Rio de Janeiro, e Léo, contratado para esta temporada.