​Contratado pelo ​Atlético-MG em meados da temporada passada, o atacante Denílson, de 24 anos, jamais conseguiu emplacar sequência positiva no clube mineiro. O rendimento aquém das expectativas acabou culminando em um empréstimo ao futebol da Arábia Saudita, vínculo encerrado antes do prazo final devido a uma lesão sofrida pelo atleta. Agora, de volta à Cidade do Galo, o jogador aguarda a definição do próximo passo de sua carreira.


Já segue a gente no Instagram? Clique aqui e venha para a Casa dos Torcedores!

Cicero,Denilson

​​Ainda que seu desempenho na curta passagem pelo futebol saudita não tenha sido ruim - balançou as redes seis vezes em onze partidas disputadas -, seu aproveitamento no Galo está praticamente descartado por Rodrigo Santana. Como destaca o ​UOL Esportes, o caminho provável é uma nova negociação, via empréstimo ou definitiva, com o clube mineiro já trabalhando em busca de interessados.


De vínculo longo ainda por cumprir (2023), Denílson gera preocupação ao departamento de futebol atleticano por conta de seus vencimentos. Somente em CLT (registro em carteira), o atleta tem salário superior a R$ 1,3 milhão/ano, valor alto para um jogador que não está nos planos da atual comissão técnica. Muito em função disso, o clube faz esforços para reposicioná-lo no mercado, já tendo recebido consultas de clubes do Japão e de Portugal.