​Com uma campanha preocupante no Campeonato Brasileiro após mais uma derrota, desta vez em casa, para o Athletico-PR, o Cruzeiro não terá tempo para se lamentar. Na próxima terça-feira (30), a Raposa encara uma verdadeira decisão pela vaga nas quartas de final da Libertadores da América. E o técnico Mano Menezes relatou que poderá fazer mudanças na equipe titular do clube mineiro.



Lucas Pratto

Perguntado sobre qual seria a base do time titular, o comandante afirmou que o meia Robinho talvez não esteja em campo na partida. “Ainda é um pouco cedo, mas a chance maior é do Thiago Neves. Chance um pouco menor do Robinho. Também preciso definir se vou fazer como na Argentina, se vou usar os dois ou um, para não sobrecarregar muito a equipe e termos disputa, pois é um jogo muito forte em termos de disputa” relatou Mano.


As dúvidas no meio e no ataque perseguirão o treinador até o dia da partida, pois há a possibilidade da equipe jogar sem um centroavante de ofício, com Pedro Rocha no comando de ataque. “As saídas de Ariel Cabral e de David (durante o jogo contra o Athletico) tem a ver com a semana que temos pela frente. Romero vai jogar. Está com a cabeça no jogo diante do River Plate, estará conosco. Porém, temos outras dúvidas. Podemos ter uma proposta diferente para iniciar o jogo.” concluiu.



O Cruzeiro recebe o River Plate na próxima terça-feira (30), a partir das 19h15 (de Brasília), no estádio Mineirão. Na partida de ida, 0 a 0, com direito a pênalti perdido pelos argentinos no final do segundo tempo. Uma vitória simples coloca a Raposa nas quartas de final da competição mais importante da América do Sul. Empate sem gols, leva a decisão para os pênaltis. Empate com gols ou vitória do River dá a vaga aos argentinos.