​O ​Grêmio enfrenta o Libertad nesta quarta-feira ( 25), às 21h30, na Arena do Grêmioem jogo válido pelas oitavas de final da ​Copa Libertadores. O tricolor gaúcho recentemente adquiriu sua ida às semifinais da Copa do Brasil, mas enxerga a competição continental como seu maior objetivo. A seguir, separei alguns caminhos que o time precisa adotar para vencer o duelo.



Evérton Cebolinha está no auge, recentemente venceu a ​Copa América e ​desperta interesse de clubes europeus, precisamente do Arsenal, mas é inegável que é o fator de desequilíbrio do clube. Além dele, é necessário destacar que Matheus Henrique, Alisson e Pepe vêm fazendo um bom trabalho e podem desequilibrar. Ainda mais porque o primeiro jogo é em casa, marcar e atacar será o melhor para o clube que sonha com o desejado tetra.

Renato Portaluppi


Mas o fator que me preocupa é algumas perdas de bola, jogadas frequentemente realizadas como passe errado em um lance de ataque, uma bobeada no meio-campo pode ser fatal. É claro, que Kannemann e Geromel são os melhores zagueiros do Brasil. Mas o lado esquerdo não me convence. Renato Portaluppi precisa deixar a defesa bem postada para evitar ataques adversários naquele lado. 



O ponto mais irritante também é se André ou Diego Tardelli serão os titulares. Eu prefiro o segundo. No entanto, nenhum me agrada. Que façam o gol, mas de qualquer forma: mas o certo é que nós estaremos com o Grêmio, onde o Grêmio estiver.