​O ​Atlético-PR aguardou até onde deu pelo “sim” de Seedorf. Como não conseguiu fechar com o holandês, partiu para o plano B e anunciou Fernando Diniz como seu novo técnico. No entanto, pagará a multa de R$ 60 mil para o Guarani, clube que seria dirigido pelo profissional na disputa da Série A-2 do Campeonato Paulista e também na Série B do Campeonato Brasileiro.



Em seu contrato com o Bugre, havia uma cláusula de liberação em caso de uma oferta de um time da elite do futebol nacional. O valor a ser repassado não é alto (corresponde a dois salários do profissional). Porém, segundo o ​blog do Marcel Rizzo, ajudará no pagamento de luvas para jogadores que venham a integrar o elenco campineiro - vale lembrar que o clube convive com sérios problemas financeiros.



Diniz, conhecido por implantar em seus times um estilo de futebol moderno, com toque de bola e, inclusive, a participação do goleiro, estava sem emprego desde que deixou o Osasco Audax, em junho de 2017. Agora, terá a chance de colocar em prática as suas ideias em uma equipe de Série A.


Foto: Osasco Audax / Divulgação